Com o Campeonato Estadual paralisado pelo Governo de São Paulo, a Federação Paulista de Futebol (FPF) se reuniu com representantes dos clubes nesta terça-feira (16) para planejar a sequência da competição.

As partes concordaram em entrar em contato com a CBF para viabilizar a realização de jogos em outros estados. Caso não dê certo, o plano é acionar a Justiça.

O encontro durou quase duas horas e terminou com a decisão unânime de que o Campeonato Paulista não poderá parar.

"A FPF está trabalhando em conjunto com a CBF, com outras Federações e autoridades locais para agendar as partidas em outros Estados", disse o texto.

A primeira tentativa desse plano, porém, deu errado. Marcado para o estádio Independência, em Belo Horizonte, o confronto entre São Bento e Palmeiras foi cancelado após o governo de Minas Gerais barrar o jogo.