Depois das Prefeituras de Chapecó, Criciúma e Tubarão proibirem a realização de jogos nas cidades por 15 dias, devido ao aumento de casos do novo coronavírus, a Federação Catarinense de Futebol (FCF) confirmou a paralisação do Estadual a partir desta quinta-feira (4).

Em nota publicada no início da noite desta quarta-feira (3), a entidade diz que a "suspensão veio a partir de decretos municipais impedindo a realização de jogos em suas respectivas cidades, atingindo metade dos clubes participantes".

Nesta sexta-feira (5), haverá um Conselho Técnico extraordinário com todos os clubes para discutir o restante da competição.