Os organizadores dos Jogos Olímpicos de Tóquio revelaram nesta quinta-feira (12) alguns detalhes que estão sendo planejados para o evento em 2021 por conta da pandemia do novo coronavírus.

O que mais chamou a atenção é que as torcidas poderão ser orientadas a não torcer, ou seja, sem gritar, cantar ou se manifestar efusivamente.

A medida poderá ser tomada para evitar que gotas de saliva suspensas no ar sejam agentes contaminadores. O uso de máscara deverá ser obrigatório também.

Foto: Getty Images

Outro fator importante é que os atletas serão dispensados do período de isolamento de 14 dias que o Japão impôs a pessoas vindas do exterior para ajudar a conter a disseminação do vírus.

As medidas para os atletas provavelmente incluirão exames de detecção de coronavírus 72 horas após sua chegada ao Japão.

Porém, alertaram que as decisões sobre os espectadores estrangeiros ainda serão tomadas, dizendo que uma quarentena de 14 dias é "impossível".

Os planos ainda serão apresentados e debatidos com o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, que fará a primeira visita a Tóquio depois do adiamento dos Jogos na próxima semana.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul