Depois da retomada no Campeonato Catarinense com derrota para a Chapecoense no último domingo (21), o Juventus volta a campo na tarde desta quinta-feira (25) para seu quinto compromisso na competição.

No estádio João Marcatto, o Tricolor recebe o Figueirense, às 16h, em um jogo que terá ingredientes pra lá de especiais.

Afinal, o torcedor jaraguaense há de concordar que é difícil esquecer a histórica quartas de final do ano passado, quando o Moleque Travesso eliminou o time da capital, com uma imponente goleada por 4 a 1, em pleno Orlando Scarpelli.

Mas não é apenas o adversário. O time de Jaraguá do Sul também vai rever conhecidos, tanto na casamata como em campo.

Peças importantes em 2020, o zagueiro Felipe Gregório, o meia Marllon e o lateral Denner hoje vestem a camisa do Figueira. Os dois primeiros, aliás, estão emprestados pelo Juve.

Além deles, o técnico Jorginho volta ao estádio João Marcatto, onde fez uma campanha memorável no último Estadual ao levar o clube à semifinal.

Foto: Lucas Pavin/Avante! Esportes

Como se não bastasse, ainda haverá o reencontro dos amigos Jorginho e Pingo, que jogaram juntos no Paraná Clube, em 1999, e hoje se enfrentam como comandantes.

Porém, mesmo em lados opostos, os treinadores sempre tiveram um pensamento alinhado e a filosofia de um estilo de jogo semelhante, com posse de bola e ofensividade.

Ou seja, a promessa é de que logo mais tenhamos um confronto mais franco, com duas equipes buscando a vitória a todo momento.

“Jorginho é meu amigo, nos conhecemos há muito tempo e jogamos juntos. Eu e ele sempre fomos partidários do bom futebol, progressivo, ofensivo e de posse de bola. Tenho certeza que vai ser um jogo franco, aberto e difícil. Esperamos pôr em prática o que estamos fazendo nos treinos e sinto que os atletas estão muito confiantes em conseguir a vitória”, destacou Pingo.

Desfalques, retorno e provável escalação

Entregues ao departamento médico, o atacante , o lateral Bruno Dip (lesão no menisco do joelho esquerdo) e o atacante Alemão (lesão no pé esquerdo) seguem como desfalques.

Por outro lado, o volante Welton Heleno está recuperado de problemas musculares e fica à disposição de Pingo, mas ainda deve ficar no banco de reservas.

Com isso, o técnico deve manter o mesmo time que iniciou o jogo em Chapecó, com Iago Hass; Genilson, Matheus Piaui, Wallinson e Cesinha; Allan, Tássio, Jeffinho, Fabinho e Eric Di Maria; Giovanni.

Histórico de confrontos

Retrospecto geral

  • Jogos: 64
  • Vitórias do Juventus: 14
  • Vitórias do Figueirense: 30
  • Empates: 20
  • Gols marcados pelo Juventus: 50
  • Gols marcados pelo Figueirense: 96

Na 1ª Divisão

  • Jogos: 42
  • Vitórias do Juventus: 7
  • Vitórias do Figueirense: 23
  • Empates: 12
  • Gols marcados pelo Juventus: 32
  • Gols marcados pelo Figueirense: 74

*Dados de Henrique Porto (Portopédia)

Classificação

Artilharia

2 gols - Fabinho
2 gols - Alemão

Tabela

fase

24/02/21 – Avaí 2×0 Juventus (saiba mais)
20h30, na Ressacada, em Florianópolis (SC)

27/02/21 – Juventus 2×0 Criciúma (saiba mais)
16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Fabinho e Alemão

04/03/21 – Juventus 2×0 Hercílio Luz (saiba mais)
16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Fabinho e Alemão

21/03/21 – Chapecoense 2×0 Juventus (saiba mais)
16h, na Arena Condá, em Chapecó (SC)

25/03/21 – Juventus × Figueirense
16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)

28/03/21 – Brusque × Juventus
16h, no Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)

31/03/21 – Juventus × Joinville
16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)

04/04/21 – Próspera × Juventus
16h, no Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)

11/04/21 – Juventus × Marcílio Dias
16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)

18/04/21 – Metropolitano × Juventus
16h, no Estádio Hermann Aichinger, em Ibirama (SC)

21/04/21 – Juventus × Concórdia
21h30, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)