A vitória sobre Molly McCann há pouco menos de cinco meses aumentou a confiança de Taila Santos no UFC. Agora, a jaraguaense volta ao octógono mais famoso do mundo para começar a engatar uma sequência positiva na organização.

Neste sábado (5), a lutadora de 27 anos encara Montana de La Rosa, no terceiro combate do card principal do UFC, em Las Vegas, nos Estados Unidos, que inicia meia-noite (horário de Brasília).

Com uma derrota – sofrida em sua estreia em fevereiro de 2019 – e um triunfo na companhia, Taila enfrenta, pela primeira vez, uma atleta ranqueada do peso-mosca (até 57kg), já que a americana é a 15ª colocada na divisão.

Foto: Jeff Bottari/Getty Images

Uma oportunidade de ouro, que pode fazê-la dar passos importantes no sonho de alcançar futuramente as primeiras posições da categoria.

“Lutar com uma menina ranqueada e conseguir uma boa vitória pode me dar uma alavancada na categoria. As expectativas são as melhores. Estou muito bem preparada, confiante e empolgada”, destacou Taila.

Montana, aliás, surgiu como adversária há menos de um mês. A representante de Jaraguá do Sul enfrentaria Maryna Moroz, mas a ucraniana sofreu uma lesão e precisou ser substituída pela americana.

A troca ‘em cima da hora’, porém, não afetou a preparação, conforme garantiu a própria lutadora da Astra Fight Team.

“A adversária mudou, mas não prejudicou em nada, porque o jogo que eu estava treinando é muito parecido de uma para outra. Não precisei mudar muita coisa e o treinamento continuou o mesmo”, declarou.

Montana de la Rosa | Foto: Divulgação/UFC

Dona de um cartel com 11 vitórias e seis derrotas no MMA, Montana vem de tropeço na última luta, quando perdeu para a brasileira Viviane Araújo por decisão unânime.

Já Taila possui um cartel de 16 triunfos e apenas um revés, e conta com a torcida do povo de sua terra natal para aumentar o histórico positivo no octógono.

“Vamos pra cima. Vai ser uma grande luta e quero convidar todo mundo de Jaraguá e região para mandar aquela energia positiva e apoio”, finalizou a jaraguaense.

 

Telegram Jaraguá do Sul