A primeira fase da Série B do Campeonato Catarinense não tem "partida final", daquelas que quem vencer é campeão. Mas há, no meio das 18 rodadas entre turno e returno, algumas decisões. Jogos-chave, em momentos cruciais, que definem ambições no restante do torneio.

E neste domingo (22), às 15h, no estádio João Marcatto, contra o Almirante Barroso, o Juventus terá um desses compromissos.

O duelo válido pela 4ª rodada do returno é o primeiro dos seis que faltam para o Tricolor continuar sonhando com o retorno à elite do futebol catarinense.

E fazer o dever de casa é o que a equipe comandada pelo técnico Celso Rodrigues precisa para manter o objetivo, principalmente pelo jogo seguinte também acontecer em seus domínios, diante do Fluminense, na próxima quarta-feira (25).

Foto Eduardo Montecino/OCP News

O confronto contra o Barroso tomou ares ainda mais decisivos após a derrota para o Blumenau na última quinta-feira (19), que tirou a chance do Moleque Travesso liderar o segundo turno, ao lado do Marcílio Dias, além de distanciar o time das primeiras colocações no geral.

“Tivemos bastante domínio na posse de bola (contra o BEC), mas o que faltou foi o último toque na bola e não soubemos aproveitar as chances criadas. Isso tiramos de lição. Agora temos um jogo de seis pontos, difícil, mas que precisamos vencer”, declarou o meia Railson.

Para esta partida que pode se tornar um "divisor de águas" para o time jaraguaense no Estadual, o treinador Celso Rodrigues terá os desfalques do volante Anderson Pedra e do atacante Cristian Roque, lesionados. Por outro lado, o volante Tiago Amazonense retorna ao time após cumprir suspensão.

Foto Eduardo Montecino/OCP News

“Temos que encarar todos os jogos como finais, não podemos mais perder pontos dentro de casa. São dois jogos (Barroso e Fluminense) de suma importância e se conseguirmos somar seis pontos vamos estar vivos na competição e brigar pelo título”, disse Amazonense.

Com 4 pontos no returno, o Juve ocupa a 5ª colocação atrás de Camboriu (5 pontos), Fluminense (6p), Metropolitano (6p) e Marcílio (7p), respectivamente. Já na classificação geral, o Tricolor é 6° lugar, com 15. Logo à frente vem Barra (18p), Metrô (19p), Marinheiro (21p), Flu (25p) e Cambura (25).

Ingressos

Com promoção, os ingressos antecipados para Juventus e Barroso podem ser adquiridos no valor de R$ 15 (arquibancada descoberta) e R$ 20 (arquibancada coberta).

Na compra de duas entradas, a terceira é cortesia do clube. A venda será feita durante todo o sábado, na Macarronada promovida pelo clube, no estádio João Marcatto.

Já momentos antes da bola rolar no domingo, os ingressos voltam ao preço normal de R$ 20 (arquibancada descoberta), R$ 30 (arquibancada coberta) e R$ 40 (cadeira), com opção de meia-entrada por R$ 10, R$ 15 e R$ 20, respectivamente, para estudantes e idosos.

Evento no João Marcatto

Enquanto o elenco se prepara para enfrentar o Almirante Barroso, a diretoria promove neste sábado (21), uma nova edição da Macarronada do clube. O evento está marcado, a partir das 11h, no salão social do estádio João Marcatto.

Serão três tipos de massas e cinco tipos de molhos disponíveis ao público, no valor de R$ 20. Os cartões podem ser adquiridos na secretaria do clube ou com os próprios diretores. Maiores informações através do telefone (47) 3017-0633.


ARTILHARIA:

6 gols – Railson
3 gols – Cristian Roque
3 gols – Wendel
1 gol – Silvio Gomes
1 gol – Coutinho


TABELA:

1ª fase