Com o início do NBB (Novo Basquete Brasil) previsto para o dia 14 de novembro, o Blackstar de Joinville está buscando investidores para disputar a temporada 2020/2021 divisão de elite do basquete nacional. A informação foi divulgada pela jornalista Adrieli Evarini.

Com o sonho de estrear na competição, o time joinvilense precisa de pouco menos de R$ 2 milhões, valor exigido pela Liga como comprovação financeira.

Segundo o presidente da equipe Rodrigo Lima, metade dessa quantia já foi adquirida.

“Já estávamos mantendo um contato com o NBB, pois esse sempre foi um dos nossos objetivos, porém um objetivo a médio prazo. Agora, o nosso ingresso seria por meio da aquisição do direito associativo, mas para isso, precisamos das comprovações financeira. Conseguimos metade dessa quantia, porém, condicionados à vaga. Ou seja, se não conseguirmos a vaga, não teremos esse valor para trabalhar”, disse.

O Blackstar disputaria o Campeonato Brasileiro, referente a divisão de acesso do NBB, mas o torneio foi cancelado por conta da pandemia do novo coronavírus.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul