Chegou a hora. Após mais de um ano, Taila Santos volta ao octógono do UFC nesta quarta-feira (15). Na “Ilha da Luta”, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, a jaraguaense enfrenta Molly McCann, na segunda luta do card principal, prevista para às 23h.

No combate válido pelo peso-mosca, Taila buscará sua primeira vitória na maior organização de MMA do mundo.

Taila e McCann na encarada pós-pesagem | Foto: Getty Images

Após conquistar o contrato com o Ultimate ao participar da versão brasileira do programa ‘Contender Series’, a lutadora de 26 anos estreou com derrota para italiana Mara Borella, em fevereiro do ano passado, perdendo uma invencibilidade de 15 lutas no MMA profissional.

Mas o nervosismo de uma estreia no UFC ficou para trás e, hoje, a atleta da Astra Fight Team garante estar muito mais preparada para iniciar uma caminhada de vitórias no evento.

“(Na minha primeira luta) Senti muita pressão do evento, travei. Estava confiante, mas quando vi toda aquela estrutura tive um choque e não me concentrei totalmente. Não dei 10% da atleta que sou. Hoje, estou muito mais preparada fisicamente e mentalmente”, destaca.

A confiança será fundamental para Taila derrubar a adversária inglesa que chega em um bom momento.

Molly McCann vem de uma boa sequência de vitórias | Foto: Getty Images

Depois de estrear com derrota no Ultimate em 2018, McCann, de 30 anos, emplacou uma sequência de três vitórias consecutivas, sendo a última em outubro de 2019 sobre a romena Diana Belbita.

“A Molly é uma menina que vem para cima, mas como minhas lutas geralmente são em pé, acredito que ela tentará me levar para o chão. Fiz um jogo voltado em cima disso e espero ter sucesso”, comenta Taila.

Após ter duas lutas canceladas por lesão ou mudança da própria organização durante esse longo período, a jaraguaense fez todo seu camp de treinamentos em Balneário Camboriú e pôde traçar a estratégia que considera ideal para superar sua oponente.

Agora, ela pretende colocar tudo em prática na tão aguarda luta que terá transmissão do Canal Combate, onde pode contar com as boas vibrações do povo de Jaraguá e região para conquistar seu primeiro triunfo no UFC.

“Só tenho a agradecer pela força que todos vêm me dando. Mandem muita energia positiva. É de Jaraguá para o mundo”, finaliza.

Confira o card completo

CARD PRINCIPAL
Peso-pena: Calvin Kattar x Dan Ige
Peso-mosca: Tim Elliott x Ryan Benoit
Peso-pena: Jimmie Rivera x Cody Stamann
Peso-mosca: Molly McCann x Taila Santos
Peso-meio-médio: Abdul Razak Alhassan x Mounir Lazzez

CARD PRELIMINAR
Peso-médio: John Phillips x Khamzat Chimaev
Peso-pena: Ricardo Carcacinha x Lerone Murphy
Peso-meio-pesado: Modestas Bukauskas x Andreas Michailidis
Peso-pena: Jared Gordon x Chris Fishgold
Peso-mosca: Diana Belbita x Liana Jojua
Peso-galo: Jack Shore x Aaron Phillips

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul