Em entrevista à Rádio CBN, o presidente da Chapecoense, Paulo Magro, falou sobre o atual momento financeiro do clube.

Segundo o mandatário, a dívida da equipe do Oeste chega a quase R$ 55 milhões por conta das más campanhas do time nos últimos anos e a falta de receitas devido à paralisação do futebol.

Só com programa de sócios, o clube perdeu R$ 350 mil. Apesar da situação não ser das melhores, a dívida da Chape está controlada para ser paga em 10 anos, conforme destacou Paulo Magro.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul