Está chegando a hora de conhecer o grande campeão do 5º Campeonato de Futebol Interno do Beira Rio. Após pouco mais de três meses de disputa do torneio que contou com a participação de doze times, que entraram no clima da Libertadores da América, as equipes fictícias do Independiente e Cerro Porteño tiveram as melhores trajetórias e disputam o título do certame, amanhã, a partir das 15h. Este será o segundo encontro entre ambos na competição, já que se enfrentaram na terceira rodada da primeira fase, quando o time ‘argentino’ venceu por 3 a 0. O Independiente chega à decisão com uma campanha perfeita. A equipe, capitaneada por Shel, venceu as oito partidas em que disputou e tem o melhor ataque, com 30 gols marcados, além da melhor defesa ao lado do próprio Cerro, vazadas apenas 11 vezes. Após garantir a liderança da Chave A na fase classificatória, os ‘Rojos’ avançaram no mata-mata, vencendo o Atlético Nacional nas quartas de final por 3 a 2, e Sporting Cristal na semi por 3 a 0. “Respeitamos muito a equipe do Cerro e a vitória que conseguimos sobre eles na primeira fase não diz muito o que foi o jogo. Quanto ao nosso time, vamos manter o padrão de jogo e prometemos uma festa bem bonita, com torcida uniformizada para nos apoiar e um jogo bem leal dentro de campo”, disse Shel. Do outro lado, o Cerro Porteño também mostrou um retrospecto consistente durante todo campeonato. Até aqui, o time ‘paraguaio’ jogou oito vezes, somando quatro vitórias, três empates e apenas uma derrota, sofrida justamente para o adversário da final. Tendo como capitão Edson Keno, a equipe chegou à final fazendo poucos gols (15), mas tem o sistema defensivo como seu ponto forte, por ter sofrido somente 11 tentos. Depois de ocupar o primeiro lugar da Chave B na fase inicial, o ‘Ciclón’ eliminou o Nacional nas quartas por 3 a 2, e o River Plate na semifinal por 3 a 2, nos pênaltis, após empate sem gols no tempo normal. “O adversário não por acaso está na final. É, sem dúvida, o melhor time do campeonato, pois o conjunto é indiscutivelmente muito forte. Mas, estamos confiantes e cientes do que podemos fazer dentro do jogo. Final é muito diferente de todo o restante do campeonato e espero mesmo que nosso time saia vencedor”, afirmou Keno. Na preliminar da grande final, haverá a disputa do terceiro lugar entre River Plate e Sporting Cristal, às 14h, enquanto a festa de encerramento acontece logo depois da decisão, quando será feita a premiação da ‘Seleção do Campeonato’, do goleiro menos vazado, artilheiro, ‘Bola de Ouro’ e melhor jogador da final. Os jogos ocorrem no Beira Rio Clube de Campo, que fica na Rua Walter Breithaupt, no Centro, e terão entrada franca.