A participação das cidades e número de atletas nas fases que antecedem a disputa estadual dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) 2020 ainda são uma incógnita.

Com as inúmeras regras impostas em decreto publicado pelo Governo do Estado nesta semana, como a testagem em todos os membros das delegações, a competição sofrerá com muitas desistências por conta das altas despesas.

Jaraguá do Sul não está nessa lista e vai participar do evento, mas com algumas ressalvas. Isso é o que garante a secretária de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Cleide Mosca.

Segundo ela, o município tem 240 atletas habilitados para o Jasc e a intenção seria levar a delegação completa.

Foto: Divulgação/Secel

No entanto, será feita uma avaliação interna de quais modalidades estarão capacitadas a participar, em virtude da segurança aos atletas e comissões técnicas.

A bocha feminina, por exemplo, já desistiu em razão de alguns competidores estarem no grupo de risco da pandemia.

“Temos que ser responsáveis para fazer essa avaliação do que é possível levar e que vale a pena. Acreditamos que nossos técnicos e atletas concordam com isso. Para esse ano, ir para o Jasc é uma grande conquista”, disse Cleide.

Outra dificuldade é relacionada aos treinos. Por estar na região nordeste, que se encontra em estado gravíssimo da pandemia, Jaraguá do Sul não tem a liberação para realizar treinamentos coletivos e as equipes correm o risco de entrar na competição sem uma preparação adequada.

“Isso é uma preocupação para os dirigentes. Como liberam competições se as equipes coletivas não estão treinando?. A nossa posição é de participar do evento, desde que tenhamos segurança para os nossos atletas e comissões técnicas. É a nossa primeira preocupação e principal responsabilidade”, declarou Cleide.

Foto: Lucas Pavin/Avante! Esportes

Programação do Jasc

Mesmo sem saber quais modalidades e atletas levará para o evento, além da indefinição de quando ou se poderá fazer atividades coletivas pré-Jasc, Jaraguá do Sul se programa para fase microrregional.

O local e a data exata ainda não foram divulgadas, mas essa etapa terá de ser realizada até o dia 11 de outubro.

No próximo mês, também haverá a fase regional, a última antes da estadual, marcada para 17 a 23 de novembro, em Brusque, Balneário Camboriú, Florianópolis, Blumenau, Rio do Sul e Timbó.

Vale lembrar que o formato de disputa será completamente diferente das últimas edições, em que todos os jogos ocorrerão no sistema de mata-mata, ou seja, perdeu está eliminado.

Essa fórmula, aliada a preparação inadequada das equipes e a iminente ausência de atletas qualificados do Estado, tende a piorar a qualidade do Jasc 2020.

“Já temos muitas desistências de cidades e o número deve aumentar até o começo dos jogos. Tecnicamente vai ser um Jasc bem abaixo e tudo pode acontecer”, destacou Karine Festugatto, supervisora de esportes da Secel.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul