Confira como estão os clubes para início do Catarinense 2021

Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Esporte

Por: Ewaldo Willerding Neto

terça-feira, 12:36 - 23/02/2021

Ewaldo Willerding Neto

Com a participação de 12 clubes, o Campeonato Catarinense da Série A, edição 2021, começa nesta quarta-feira (24). Na primeira fase, os times se enfrentam em turno único, e os oito mais bem colocados garantem vaga nas quartas de final no sistema mata-mata, com ida e volta, até a definição do campeão.

A Chapecoense levantou a taça na temporada passada ao vencer o Brusque na decisão. Os dois últimos ao término da primeira fase serão rebaixados à Série B. No ano passado, apenas um time caiu de divisão, o Tubarão, enquanto três foram promovidos à elite: Próspera (campeão da Segundona), Hercílio Luz (vice-campeão) e Metropolitano (terceiro lugar).

A final do Catarinense está marcada para 23 de maio. Em razão da pandemia da Covid-19, os jogos serão sem a presença de torcida.

 

Veja a 1ª rodada

 

Quarta-feira (24)

20h - Marcílio Dias x Brusque

20h30min - Avaí x Juventus

21h - Criciúma x Hercílio Luz

 

Quinta-feira (25)

16h - Próspera x Joinville

16h - Metropolitano x Figueirense

17h - Concórdia x Chapecoense

 

 

Confira a dupla da Capital

Figueirense renovou o grupo | Foto Divulgação/FFC

Figueira mantém Jorginho e muda quadre todo time

A equipe do Figueirense iniciou a preparação para o Estadual no dia 6 de fevereiro, quando os atletas se apresentaram para os exames da pré-temporada, realizada no Centro de Formação e Treinamento do Cambirela, em Palhoça. Com média de idade mais baixa do que nos últimos anos, o elenco alvinegro conta com a experiência de Everton Santos e de jogadores como o goleiro Rodolfo Castro, e o recém contratado Marllon. Eles darão suporte ao grupo de jogadores que vestirá a camisa do clube mais vezes campeão do Estado, num momento de reconstrução do Furacão. O comando técnico do Figueirense é do experiente Jorginho, ex-atleta e técnico com passagens por clubes como o Palmeiras, Goiás, Ponte Preta, Portuguesa, Vitória e Chapecoense. No Campeonato Catarinense de 2020, Jorginho dirigiu o Juventus de Jaraguá do Sul, alcançando a fase semifinal da competição. O treinador chegou ao Figueirense em novembro de 2020 e teve o seu contrato renovado até o final deste ano. Detentor de 18 títulos estaduais, o Figueirense é sempre apontado como uma das equipes postulantes ao título do Campeonato Catarinense. Os jogos do alvinegro são disputados no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, inaugurado em 1960 e com capacidade atualmente para 19.584 torcedores. O presidente é Norton Flores Boppré.

 

Avaí aposta na manutenção da base | Foto Divulgação/AFC

Avaí aposta na base para conquistar o título

Sob o comando do treinador Claudinei Oliveira, o Avaí segue na preparação para o início da temporada de 2021. Devido à pandemia, a temporada anterior terminou em janeiro. Com apenas oito dias de recesso, os trabalhos começaram no dia 8 de fevereiro, com avaliações físicas e exames. Dois dias depois, a equipe iniciou a concentração e a pré-temporada. Dia 14, finalizou a concentração, mas a preparação “segue firme, forte e intensa”, segundo o Clube.

Com pouco tempo de descanso para os atletas entre uma temporada e outra, o preparador físico Jaelson Ortiz falou sobre o trabalho para 2021: “Neste momento os atletas tiveram apenas uma semana de descanso neste recesso. Estamos focados em potencializar os aspectos táticos e físicos, juntamente com o treinador”. O primeiro compromisso do ano para o Avaí será no dia 24 de fevereiro, na partida contra o Juventus, às 20h30, no estádio da Ressacada.

 

Confira as demais equipes

 

Brusque vem embalado pelo acesso à Série B | Foto Divulgação/BFC

BRUSQUE

O Brusque nunca foi rebaixado no campeonato brasileiro – são poucos os times do Brasil a ostentar tal feito. Fundado em 12 de outubro de 1987, o clube surgiu após uma fusão de dois tradicionais clubes catarinenses: Clube Atlético Carlos Renaux e Clube Esportivo Paysandu. Em 2019, o Brusque foi campeão da série D do Brasileiro. Ano passado, com outra campanha espetacular, conquistou o acesso com B do campeonato nacional com uma rodada de antecedência. O clube confirmou o lateral-direito Toty como oitavo reforço para a temporada 2021. Aos 30 anos, o jogador assinou contrato até o fim da Série B do Brasileiro. Além dele chegaram também o zagueiro Sandro, o goleiro Dalberson (ex-Joinville), o lateral-direito Vivico (ex-Juventude-MA), o volante Pepê (ex-Atlético Catarinense) e os atacantes Júnior Pirambu e Bruno Mota (ex-Ituano).O técnico é Jerson Testoni, o auxiliar técnico é Fernando Borba e o preparador físico é Marcos Abella.

 

Chape é a maior favorita ao bicampeonato | Foto Divulgação/ACF

CHAPECOENSE

Após conquista do Campeonato Brasileiro da Série B e período de férias concedido no início de fevereiro para atletas, comissão técnica e funcionários, a Associação Chapecoense de Futebol retomou as atividades do grupo principal na última quarta-feira (10). Os primeiros dias foram destinados para avaliações físicas. O primeiro trabalho com bola aconteceu na sexta-feira. No total a pré-temporada será de 11 dias, pois no próximo domingo (21) o clube disputará o título da Recopa Santa Catarina, contra o Joinville. Todos os jogos em casa do Campeonato Catarinense serão sediados na Arena Condá, palco de muitas emoções do torcedor verde e branco. Até o momento não foram anunciadas contratações.

 

 

Concórdia foi vice da Copa SC | Foto Divulgação/CAC

CONCÓRDIA

Fundado em 2 de março de 2005, Concórdia Atlético Clube tem sede e manda suas partidas no estádio municipal Domingos Machado de Lima (capacidade 5 mil pessoas). O Galo do Oeste, como é conhecido, foi vice-campeão da Copa Santa Catarina em 2020 - perdeu o título nos pênaltis para o Joinville. O Concórdia contratou o volante Cauê Patrick, atleta formado na base do Figueirense. Em 2020, ele atuou também na equipe do Metropolitano na disputa da Série B do Catarinense. O técnico é Emerson Cris.

 

Tigre contratou Hemerson Maria | Foto Divulgação/CEC

CRICIÚMA

Em 2021, o Criciúma passou a contar com uma nova gestão. O empresário Anselmo Freitas foi eleito vice-presidente administrativo em dezembro e, a partir do dia 1º de janeiro deste ano, assumiu a presidência do clube. No dia 8 de janeiro, o Tigre anunciou o técnico Hemerson Maria como novo comandante. O Criciúma se reapresentou no dia 25 de janeiro no Centro de Treinamento Antenor Angeloni. A princípio, com os atletas remanescentes da temporada passada, como os goleiros Diego e Murilo, os volantes Léo, Rullian, Eliel e Adenilson, e os atacantes João e Eduardo Melo. Na sequência, o Tigre começou a apresentar os reforços: os zagueiros Alemão e Marcel Scalese, o lateral-direito Emanuel, o lateral-esquerdo Léo Campos, o volante Vinícius Tsumita e os atacantes Marcus Índio, Mateus Anderson e Uilliam Barros. O volante Eduardo de Biasi teve a permanência confirmada pela direção do Criciúma.

 

Hercílio Luz quer se manter na elite | Foto Divulgação/HLFC

HERCÍLIO LUZ

O Hercílio Luz chega ao Campeonato Catarinense da Série A com a ambição bem definida: não só permanecer na elite, mas também conquistar uma vaga na série D do Brasileiro e, quem sabe, uma vaga na Copa do Brasil. O clube está montando elenco com estes objetivos. O departamento de futebol tem trabalhado, juntamente com o técnico Marcelo Caranhato, na contratação de jogadores. Entre os reforços, destaque para contratação do meio-campista Renato Henrique, que irá vestir a camisa 10 do “leão do sul”. O pernambucano tem fama de artilheiro e estreia no futebol catarinense com a expectativa de conquistas.

 

JEC vem embalado pelos título da Copa SC e da Recopa | Foto Divulgação/JEC

JOINVILLE

Com o treinador Vinícius Eutrópio no comando, as principais contratações do Joinville para esta temporada foram: Zé Antônio, Douglas Packer, Gustavo Ermel e Alex Nagib. Os principais destaques do clube são Davi Lopes, Diego, Edson Ratinho, Fabian Volpi e Alison. O JEC manteve a base que disputou a Série D no ano passado e conquistou a Copa Santa Catarina. O título, e a consequente vaga na Copa do Brasil, dão fôlego financeiro ao clube, que poderá investir mais no elenco para o Estadual. O objetivo é voltar a ser protagonista no campeonato e formar um elenco competitivo para conquistar o acesso para a Série C no campeonato brasileiro. Nas próximas semanas, alguns reforços devem chegar ao CT Vilson Florêncio para tornar a equipe ainda mais competitiva. Tradicionalmente forte em casa, o JEC tem na Arena seu porto seguro. A equipe não perde no estádio desde a eliminação no estadual passado, em junho de 2020, diante do Brusque. Após seis anos, o Joinville voltou a soltar o grito de campeão. No último dia 7 de fevereiro, o JEC se tornou pentacampeão da Copa Santa Catarina. A taça garantiu ao clube uma vaga na Copa do Brasil.

 

Juventus tenta repetir boa campanha do campeonato passado | Foto Divulgação/GEJ

JUVENTUS

A caminho do Campeonato Catarinense, o Juventus está com uma intensa preparação, após a Copa Santa Catarina que abriu o calendário do clube de 2021, na qual foi possível mensurar e avaliar o novo elenco, sob o comando do treinador Raul Cabral. O clube preza pela unidade, onde o melhor jogador é sempre o conjunto. No elenco, foi feita a renovação com o Fabinho e com o Eric Di Maria, destaque do futebol paulista. Segue com o objetivo claro de permanência na competição, mas também com uma expectativa de que surpresas podem acontecer durante o campeonato. Juventus será mandante de seus jogos no Estádio João Marcatto.

 

Marcílio contratou goleiro Belliato | Foto Divulgação/CNMD

MARCÍLIO DIAS

O Clube Náutico Marcílio Dias começou sua pré-temporada no dia 3 de fevereiro, inicialmente aprimorando a parte física dos atletas. O time será comandado por Carlos Alberto, o Teco, de forma interina. Entre os principais nomes do elenco, estão o goleiro Júnior Belliato e o zagueiro Magrão, capitão da equipe. Para a temporada, o Marinheiro contratou o centroavante David Batista, que foi artilheiro com a camisa rubro-anil em sua passagem pelo clube no ano de 2019 e espera repetir o feito. Os jogos serão mandados no Estádio Doutor Hercílio Luz, o Gigantão das Avenidas, casa do Marcílio que completa o centenário de inauguração neste ano.

 

Metrô volta à elite | Foto Divulgação/CAM

METROPOLITANO

Sob o comando do treinador Dyego Coelho, o Clube Atlético Metropolitano retorna à Série A do Campeonato Catarinense. Mantendo a espinha dorsal que conquistou o acesso, o clube renovou contrato com destaques de 2020 como os volantes Roberto e Demmer, e se reforçou com jovens e promissores atletas, como os laterais Ramom e Felipinho, o meia Eduardo e os atacantes Ebere e Daniel Bahia. A estréia do Verdão de Blumenau será dia 25, em Florianópolis, diante do Figueirense.

 

Próspera retorna à Série Av após 13 anos | Foto Divulgação/ECP

PRÓSPERA

Depois de 13 anos, o Próspera volta a disputar a Série A do Campeonato Catarinense e tem como meta permanecer na elite do futebol estadual. O elenco já está praticamente formado e o “Time da Raça” tem trabalhado forte no Estádio Mário Balsini. Com o técnico Paulo Baier no comando, o Próspera irá contar com o lateral-direito Sueliton, o goleiro Roberto, e com atletas remanescentes do título Do Estadual da série B, como Jessé, Danielzinho e Gabriel. Devido à falta de tempo para adequação do Mário Balsini, o Próspera irá receber os adversários no Estádio Heriberto Hulse, numa parceria com a direção do Criciúma, que cedeu o espaço. Apenas a estreia do time prosperano contra o Joinville, dia 25 de fevereiro, ocorrerá no Estádio Domingos Gonzales, em Tubarão.

×