Segundo o jornal inglês "Telegraph", o empresário americano Todd Boehly, coproprietário dos Los Angeles Dodgers e do LA Lakers, venceu a disputa pela compra do Chelsea.

Considerado o homem mais rico do Reino Unido, com uma fortuna de mais de 21 bilhões de libras, o magnata apresentou uma proposta de 3,5 bilhões de libras (R$ 21,7 bilhões), juntamente com o roteirista Jonathan Goldstein e o suíço Hansjörg Wyss.

Todd Boehly deve ser o novo dono do Chelsea | Foto: Getty Images

O clube ainda não confirmou a venda, mas o veículo afirma que fontes garantem que o novo comprador será anunciado.

O Chelsea está a venda após uma série de sanções do governo do Reino Unido contra o antigo proprietário do clube, Roman Abramovich, como represália ao apoio do oligarca ao governo de Vladimir Putin, presidente da Rússia.