O skatista Pedro Barros, assim como a medalhista Rayssa Leal, de 13 anos, já esteve na pista de skate de Criciúma em janeiro deste ano, no STU National.

O prefeito Clésio Salvaro registrou a lembrança em suas redes sociais após o atleta garantir a medalha de prata na categoria Skat Park, nas Olimpíadas de Tóquio.

Aos 26 anos e seis vezes campeão dos X Games, o atleta tornou-se o sexto catarinense a subir no pódio de uma Olimpíada.

“#TBT do STU National, que reuniu os melhores skatistas do Brasil no nosso SKATEPARK e que valeu pontos para os Jogos Olímpicos. O catarinense Pedro Barros, que nos representou muito bem e que conquistou a medalha olímpica na categoria Park, foi o campeão em Criciúma... O caminho de Tóquio passou por aqui”, escreveu Salvaro.

Em Criciúma, o atleta de Florianópolis conquistou o lugar mais alto do pódio na modalidade Park com 86.67 pontos e explicou o que havia pensado para a final.

"Eu já estava com uma volta planejada na cabeça que ainda não havia conseguido executar, mas sabia que tinha chances de voltar nela e decidi arriscar desde o começo, Foi apostar em tudo ou nada", comentou à época.

"Agora é iniciar uma temporada de muito treino, modificar o que eu posso para melhorar em todas as áreas e tentar ir com tudo para a caminhada até Tóquio", planchou o skatista que era o atual quarto colocado no ranking mundial do esporte.


As fotos são de Pablo Vaz e Julio Detefon.