Apenas dois jogos separam o Brusque Futebol Clube do acesso para a terceira divisão do Campeonato Brasileiro. A classificação para as quartas de final da Série D, fase jamais alcançada pelo time em sua história, veio com autoridade. Na noite desta segunda-feira (8), a equipe catarinense aplicou 3 a 0 no Boavista (RJ), para o delírio dos mais de 2,2 mil torcedores presentes no Estádio Augusto Bauer.

Desde o início da partida, o Brusque buscou atacar o adversário, que segurou o ímpeto dos mandantes com seguidas ações para retardar o andamento do jogo, principalmente nas cobranças de tiro de meta pelo goleiro Marcelo Pitol. Apesar disso, o placar foi inaugurado no último lance do primeiro tempo. O atacante Jefferson Renan limpou a marcação e bateu com estilo no ângulo da meta fluminense.

Foto Divulgação/Brusque FC

Em desvantagem, o Boavista retornou para a etapa complementar com postura mais ofensiva, mas esbarrou no sistema defensivo bem postado do Brusque, que passou a apostar no contra-ataque. E foi assim que, aos 38 minutos, saiu o segundo gol. Em jogada puxada por Jefferson Renan, a bola parou em Thiago Henrique e, depois, no fundo da rede. Aos 42, em lance similar, Zé Mateus anotou o terceiro, garantindo a vaga.

Agora, o Brusque enfrenta a Juazeirense (BA) na briga pelo acesso para a Série C do Brasileirão. O time catarinense, por ter melhor campanha, faz o segundo jogo em casa. A primeira partida do mata-mata será realizada no próximo fim de semana, na Bahia. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não divulgou as datas e os horários dos duelos.

Quer receber as notícias no WhatsApp?