Com a marca de 31h07min, a brasileira Mayra Santos bateu o recorde mundial de maior tempo nadando em piscina contracorrente.

O feito conquistado em Caniço, na Ilha da Madeira, em Portugal, é o maior já estabelecido entre mulheres e homens. O recorde anterior era do espanhol Alberto Lorente, que nadou 30 horas, no mês de junho.

Mayra revelou que pediu para o próprio espanhol como deveria se preparar para o desafio. Lorente ajudou a brasileira, mas havia dito que seria humanamente impossível uma mulher ultrapassar sua marca.

“Foi aí que eu disse: "Não só vou bater o recorde dele, como vou nadar de forma ininterrupta, não vou parar para descansar, vou nadar as 30 horas mesmo, vou me alimentar nadando, como faço no mar, nas minhas travessias, sem me levantar, sem tocar". E foi assim que bati o recorde” relatou.

Foto: Reprodução/Instagram

Natural de Juiz de Fora-RJ, a atleta de 41 anos nadou 30 horas e sete minutos sem parar. Com uma hora e 15 minutos de descanso acrescidos, o tempo do recorde deveria ser de 31h22min.

Porém, em homenagem aos colegas de trabalho e a outro feito próprio, ela abriu mão de 15 minutos.

“Foi uma satisfação muito grande, mais um desafio na minha vida, que é movida por desafios. Para mim, a quebra do recorde representa superá-los, aprender com eles e ter algum currículo, para conseguir patrocínios e vencer outros objetivos grandes, fazer coisas diferentes”, disse.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul