A bola da “Mão de Deus”, nome dado ao gol de Maradona na Copa do Mundo do México em 1986, foi colocada em leilão e deve ser vendida por pelo menos US$ 2,8 milhões, cerca de R$ 14,4 milhões.

A bola corresponde às quartas de final do Mundial entre Argentina e Inglaterra. Na ocasião, o craque argentino socou a bola para enganar o goleiro inglês Peter Shilton e funcionou, já que a arbitragem validou o gol.

Pouco depois, Maradona driblou vários jogadores ingleses e marcou seu segundo gol na partida, considerado um dos mais bonitos da história das Copas.

A bola está sendo vendida pelo árbitro daquele jogo histórico, o tunisiano Ali Bin Nasser. O leilão acontecerá no dia 16 de novembro e as participações online começam em 28 de outubro.

A camisa utilizada por Maradona na partida também já foi vendida neste ano por 7,14 milhões de libras.

Considerado um dos melhores jogadores de futebol do mundo em todos os tempos, Maradona morreu em novembro de 2020, aos 60 anos.