Chegou a hora. Uma das competições mais importantes do futsal amador da região, o Torneio de Verão de Schroeder, tem o pontapé inicial hoje, com três jogos no Ginásio Alfredo Pasold. Doze equipes correm atrás de uma premiação total de R$ 15 mil, sendo divididas inicialmente em três grupos com quatro times cada, no qual os dois primeiros colocados de cada chave mais os dois melhores com índice técnico se classificam para a fase eliminatória. No Grupo A estão Cruzeiro Futsal/ Rede Zandoná/Butuca (Massaranduba), LEC (Jaraguá do Sul), Angerô Futsal (Schroeder) e Calhas Leon (Jaraguá do Sul). O Grupo B é composto por Loes/HLS/Joclamar (Blumenau), Floricultura Ravenalla/Cativa (Schroeder), Urbano Futsal (Jaraguá do Sul) e Amigos da Vila (Schroeder). No Grupo C tem Cartório Jacobi/Inst.Vida/EFTecidos Esportivos (Schroeder/Jaraguá do Sul), Tintas Neumann/BGT (Massaranduba), C.O.U.V.E/KSDM (Guaramirim/Jaraguá do Sul) e São Bento Futsal (São Bento do Sul). Quem se classificar terá pela frente um mata-mata definido também por índice técnico, com o time de melhor campanha enfrentando o pior classificado, o segundo melhor jogando contra o penúltimo e assim por diante. A primeira partida da rodada de abertura é válida pelo Grupo A, com o LEC enfrentando o Angerô, às 19h15. Na sequência, a bola rola para dois confrontos do Grupo B. Primeiro, o atual campeão Loes encara o Amigos da Vila, às 20h15, seguido por Floricultura Ravenalla e Urbano, às 21h15. “A ansiedade está muito alta, tanto da organização como dos times. O público que prestigiar o evento pode esperar bons jogos e com grandes jogadores em quadra. Acredito que o Torneio de Verão será um sucesso novamente, assim como em todos os anos”, disse a diretora de esportes de Schroeder, Edite Hang. “Temos equipes mais tradicionais e algumas novas que vem despontando ultimamente. Todos se organizaram muito bem e estão prontos para conquistar o título. Não tem como apontar um favorito”, completou. Além dos R$ 15 mil, haverá premiação em troféus e medalhas do 1º ao 4º lugar. O artilheiro e goleiro menos vazado também serão agraciados com troféus. Na história, a maior campeã do evento é a Coremaco com seis títulos conquistados (1994, 1995, 1996, 2000, 2003 e 2012), seguido pelo Loes que faturou quatro taças (2010, 2013, 2014 e 2015).