O 33º título geral de sua história já estava garantido, mas a Equipe Jaraguaense de Bicicross/FME foi para a sétima e última etapa do Campeonato Catarinense, disputada no último sábado (26), no Parque Malwee, buscando o maior número possível de conquistas individuais. O objetivo inicial era colocar dez atletas no topo de suas categorias, conforme relatado pelo técnico Valdir Moretti na semana passada. Mas o desempenho foi além do esperado e Jaraguá do Sul teve 15 ‘bikers’ como campeões no ranking final de 2016. São eles: Josué Herculano (categoria Super 20), Lucas Monteiro (Super 15), Renato Pisetta (Cruizer 40/44 anos), Francisco Pisetta (Cruizer até 12 anos), Debora Pisetta (Elite Woman), Bruno de Liz (Boys 9 anos), Johnnie Muller (Boys 8 anos), Kauan Stevão (Boys 11 anos), Bruno Lombardi (Boys 13 anos), Lucas Monteiro (Boys 15 anos), Fernando do Prado (Máster), Rafaela Pincengher (Girls 7/8 anos), Vinicius Fagiann (Montain Bike), André da Rosa (Cruizer 35/39 anos) e Guilherme Bourscheidt (Elite men). 15203273_358815991139637_3853635727824641280_n Diante de um ótimo público na pista do Parque Malwee, a etapa derradeira do Estadual contou com a participação de 126 pilotos, com a equipe jaraguaense conquistando 12 medalhas de ouro, 11 de prata e 9 de bronze. Na classificação geral por Clube, a Sociedade Corintias de Jaraguá terminou com um total de 1654 pontos, contra 1553 do segundo colocado Videria e 1407 do terceiro Rio do Sul. Já por Equipe, a conquista veio com 1596 pontos somados, levando vantagem sobre Blumenau (1399) e Balneário Camboriú (1272). “Foi muito boa a participação da equipe jaraguaense, porque tivemos uma quantidade inesperada de títulos individuais. Ficamos muito contentes com isso. Tivemos um ano com muitas dificuldades pela falta de apoio e esperamos um 2017 mais tranquilo, buscando o título estadual novamente e o brasileiro”, destacou Valdir Moretti.