Avaí/Kindermann faz a final do Brasileiro contra o Corinthians | Foto Leandro Boeira / Avaí FC
Avaí/Kindermann faz a final do Brasileiro contra o Corinthians | Foto Leandro Boeira / Avaí FC

O Avaí/Kindermann enfrenta o Corinthians no primeiro jogo da grande decisão do Campeonato Brasileiro Feminino – Série A1. O jogo acontece em Florianópolis, no estádio da Ressacada, neste domingo (22), às 20 horas.

O duelo coloca frente a frente dois dos trabalhos mais respeitados no futebol feminino do país. Um dos pilares da renovação do futebol feminino do clube catarinense, o técnico Jorge Barcellos fez questão de tirar o mérito de si e transferiu às jogadoras por conseguir retornar à final do Brasileirão em sua quarta temporada como treinador do clube.

"No final, nós fomos os facilitadores, mas quem executa são elas, as jogadoras, elas que merecem todos os elogios. Elas são sensacionais! Quando entram no campo, ela formam um grupo unido, e isto nos motiva muito", declarou o treinador do Avaío/Kindermann.

Há entre as atletas um clima de muita motivação por alcançar a segunda decisão de título do Brasileiro. Ano passado, 2019, o Avaí/Kindermann ficou com a terceira colocação e garantiu a vaga na Libertadores da América. Este ano, novamente na Libertadores, por conta da chegada à decisão. O trabalho de Jorge Barcellos, iniciado há quatro anos, colhe agora os frutos deste tempo de trabalho.

Na Seleção

A boa notícia do dia para as meninas do Avaí/Kindermann foi a convocação da lateral Camila para a Seleção Brasileira principal. A técnica da Seleção, Pia Sundhage chamou a atleta azurra para substituir Marta, que testou positivo para a Covid-19 no exame que antecede a apresentação. “Muito feliz com a convocação, espero retribuir esta confiança”, disse Camila, que já tinha sido convocada para a seleção brasileira Sub-20.

 

Goleira Bárbara durante treino na Ressacada | Foto Leandro Boeira / Avaí FC

Quarta final seguida

O Corinthians tem o melhor ataque e a melhor defesa, o Timão liderou com sobras a 1ª fase da competição. Mas para Arthur Elias, técnico da equipe, o retrospecto positivo não vale de nada às vésperas de uma final.

Sob a batuta de Arthur Elias, o Timão chegou a sua quarta final de Brasileirão consecutiva – um recorde entre os clubes participantes do torneio. Mas o treinador rechaça qualquer tipo de favoritismo baseado no desempenho de seu time nos pontos corridos.

"Por isso a gente trabalha demais e não olha para o que fizemos lá atrás. A final está totalmente em aberto”, analisou o comandante alvinegro.

Serviço

  • Jogo - Avaí/Kindermann x Corinthians, final do Brasileirão Feminino - 1º jogo.
  • Horário - 20h
  • Local: Estádio da Ressacada, Florianópolis.
  • Transmissão: Band, ESPN e Twitter @BRFeminino.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp