O judoca japonês Aramitsu Kitazono deve se retirar das Paralimpíadas de Tóquio após ser atropelado por um ônibus elétrico autônomo na Vila Paralímpica.

O atleta com deficiência visual sofreu lesões na cabeça e nas pernas, e tem sua estreia marcada para este sábado (28) na categoria até 81kg, mas ainda não se sabe se ele vai conseguir competir.

Kitazono estava atravessando uma faixa de pedestres que conecta os quartos ao refeitório, quando o veículo fez uma curva, não freou e atingiu o esportista.

A empresa que fabrica os ônibus autônomos disse em comunicado que suspendeu a operação dos veículos depois do acidente.

“Lamentamos profundamente os feridos. Estamos cooperando plenamente com a polícia no caso”, afirmou a Toyota.

Cinco passageiros estavam a bordo do ônibus, mas ninguém ficou ferido.