Um árbitro levou dois tiros durante uma partida de futebol amador na cidade de Yerba Buena, na província de Tucumán, na Argentina.

No intervalo do jogo, o profissional Oscar Antonio Pérez, de 48 anos, estava sentado na beira do campo em uma mesa, quando ouviu um homem chamando seu nome. Ele se aproximou do alambrado e foi baleado. Na sequência, o suspeito fugiu em uma moto.

Pérez já tinha sido agredido em 2014 com dois socos pelo jogador José Moreno, na mesma província de Tucumán.

Ele foi encaminhado para uma unidade de saúde, onde, inclusive, trabalha como segurança, e segue internado.