Lenda do MMA, Anderson Silva já tem o primeiro desafio marcado após deixar o UFC. E não será no octógono.

Aos 45 anos, o brasileiro assinou contrato para enfrentar o mexicano Julio César Chávez Jr., de 35 anos e ex-campeão mundial de boxe.

A luta está marcada para o dia 19 de junho, no estádio Jalisco, em Guadalajara, no México, uma das casas da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1970.

“Quando olho para trás, para minha jornada, vejo que nada foi em vão. Estou extremamente feliz pela oportunidade de testar minhas habilidades no boxe com Julio César Chávez Jr.. Treino continuamente, sempre buscando resiliência e superando obstáculos. Lutar é meu fôlego eterno”, afirmou.

O último combate do Spider foi em 31 de outubro do ano passado, quando perdeu por nocaute para Uriah Hall em sua despedida no Ultimate.

Julio Cesar Chávez Jr., adversário do brasileiro | Foto: Getty Images

Anderson Silva foi campeão dos pesos-médios do UFC entre 2006 e 2013, período durante o qual bateu recordes de defesas de cinturão (10) e vitórias (16) consecutivas.

Ele tem 34 vitórias, 11 derrotas e um "No Contest" na carreira, sendo 17 vitórias, sete derrotas e um "No Contest" no Ultimate.

Já Julio Cezar Chávez foi dono do cinturão dos médios da WBC entre 2011 e 2012, e soma 52 vitórias, cinco derrotas e um empate em seu cartel.