Em 2019, a WEG inaugurou a sua quarta unidade fabril na China. Voltada para a produção de equipamentos de automação industrial, a fábrica ampliou o portfólio de produtos no país e também fortaleceu a posição da companhia em um dos maiores mercados mundiais de equipamentos elétricos.

A unidade fica em Changzhou, no distrito de Jintan, que fica na província de Jiangsu, onde a WEG possui outras duas unidades de fabricação de motores elétricos e componentes. O espaço tem 14,5 mil metros quadrados de área construída e foco em produzir inversores de frequência de baixa tensão, mini disjuntores e dispositivos diferenciais-residuais.

A inauguração aconteceu no dia 20 de agosto de 2019 e contou com a presença de todos os membros do Conselho de Administração da WEG: Décio da Silva, Nildemar Secches, Martin Werninghaus, Sérgio Luiz da Silva Schwartz, Miguel Normando Abdalla Saad, Dan Ioschpe, Umberto Gobbato, do Presidente Executivo da WEG, Harry Schmelzer Jr., e de alguns diretores do grupo.

Na China desde 2004, a WEG possui quatro filiais no país: uma em Nantong, que produz motores elétricos trifásicos de baixa e alta tensão e outra em Rugao, dedicada à fabricação de motores de baixa tensão até a carcaça 132. Também possui uma unidade em Changzhou, onde são fabricados motores elétricos e componentes para lavadoras e secadoras de roupa. Ao todo, a companhia emprega 2242 pessoas na China, conforme dados de 2019.

A WEG na China foi uma das empresas do país que mais se destacou em meio à crise econômica decorrente das restrições impostas pela pandemia de Covid-19. Mesmo com todos os desafios impulsionados pela crise sanitária, a empresa se esforçou para desenvolver medidas protetivas e preventivas em seus ambientes.

Espaço no mercado de motores de grande porte

Também em 2019, a WEG entregou o maior motor de indução já fornecido para o mercado chinês. A entrega foi feita para a Hangzhou Zhengtai Cryogenic Technology Corporation, companhia chinesa especializada no desenvolvimento, design e fabricação de equipamentos criogênicos.

O equipamento, com 26.250 kW de potência, é responsável por acionar compressores de ar que comprimem gás natural liquefeito (GNL) do estado gasoso para o estado líquido. Foi entregue para o Projeto de Utilização Abrangente de Gás Natural Zhengtai Yida da Mongólia Interior. O motor elétrico foi fabricado na Índia, na unidade da WEG em Hosur, e foi projetado com carcaça MGW1120, quatro polos, 10kv, 50hz e peso de 45,470 quilos.

Contribuição para dessalinização de água em Singapura

Vários países enfrentam problemas de saneamento e fornecimento de água potável. Em Singapura, a WEG oferece soluções para o problema, por meio de uma equipe de engenheiros especialistas dedicados a soluções elétricas para a área. Os produtos WEG foram escolhidos como parte do projeto Keppel Marina East Desalination Plant (KMEDP), em Singapura.

O KMEDP é uma instalação de dessalinização inovadora em grande escala, e é também a primeira usina de dessalinização de modo duplo do mundo. Sua capacidade pode tratar água doce e água do mar, dependendo das condições climáticas. A planta produz 137 mil litros de água limpa, o que é 7% da demanda diária de água de Singapura.

A WEG fez parte do projeto com o fornecimento de produtos especialmente desenvolvidos para atender as necessidades do cliente, representando mais um passo da WEG no segmento de água no mundo, impulsionando a eficiência e a sustentabilidade.

Investimentos em alta na Índia

Em janeiro de 2020, a WEG foi uma das empresas convidadas para participar do “Índia – Brazil Business Forum”, um seminário empresarial organizado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), em Nova Délhi, na Índia. No evento, foram apresentados os investimentos que a companhia fez na Índia.

A empresa iniciou as atividades na Índia em 2011, com a inauguração de uma fábrica com 32 mil metros quadrados de área construída em uma área de 170 mil metros quadrados. A unidade atende a Ásia, Oriente Médio, África e Oceania, e emprega 800 colaboradores no país, de acordo com dados de 2020.

Na Ásia, além da China, Singapura e Índia, a WEG também possui unidades no Japão, Malásia, Tailândia, Coreia do Sul e Emirados Árabes. A empresa está focada em se fixar em mercados internacionais e um dos focos são países asiáticos. Investe na diversificação do seu portfólio de produtos e na estruturação de parques fabris ao redor do mundo, utilizando as últimas inovações tecnológicas e os mais altos padrões de qualidade.