Volta ao mundo: bebidas típicas de alguns países

Foto: Pixabay

Por: Maria Luiza Venturelli

21/10/2022 - 14:10 - Atualizada em: 23/05/2024 - 11:29

Experimentar uma bebida tradicional de determinado país é uma maneira de interagir com a cultura da nação e descobrir novos sabores, que podem proporcionar uma verdadeira volta ao mundo em apenas um gole. Veja uma lista completa com alguns drinks para viajar por lugares incríveis sem sair de casa:

Foto: Pixabay

México – Tequila

A bebida é feita a partir de uma planta típica do país e da América do Sul: o Agave. Cada Agave, que pode chegar a pesar cerca de 40 quilos, demora de sete a 10 anos para amadurecer e pode render até 10 litros de tequila. No México, a produção nas fábricas de tequila é diária, e muitas delas ficam abertas para visitação. Além de visitas às fábricas, na cidade de Tequila e em todo país, também estão restaurantes típicos que servem pratos tradicionais da cultura mexicana.

Japão – Saquê

No Japão, o saquê é uma parte essencial da rotina de qualquer pessoa. Nos últimos dois mil anos, os conhecimentos e técnicas envolvidos na fabricação se espalharam por todos os cantos do país. Feito principalmente a partir do arroz, o saquê é uma bebida fermentada fabricada por meio de um micro-organismo chamado koji e das leveduras. A qualidade da água da fabricação também precisa ser boa. Existem muitas variedades de saquê, e ele pode ser tomado resfriado ou aquecido, dependendo da época do ano.

Alemanha – Cerveja

O país é um dos maiores produtores e consumidores de cerveja na Europa. Praticamente todos os bairros da Alemanha possuem uma cervejaria. Além disso, o país também criou a festa mais cervejeira do mundo, a Oktoberfest, realizada desde 1810 na cidade de Munique. A Alemanha é reconhecida pela qualidade de suas cervejas e pela forma como trata a bebida, tendo opções como Paulaner, Erdinger, Hofbrau, Schneider, Weihenstephaner e Warsteiner.

Rússia – Vodka

A vodka pode ser produzida a partir de cevada, milho, figos, batatas, trigo ou ervas. A melhor parte é que a bebida destilada não apresenta o aroma e nem o sabor desses itens, mas é um drink forte e tem o poder de derrubar até os mais fortes.

França – Pastis

A bebida é um licor com 45% de álcool, típico da região de Marselha, que utiliza a maceração do anis. É produzido desde 1915, quando ocorreu a proibição de bebidas com absinto e semelhantes na França. Deve ser diluído com água, na proporção de uma parte de Pastis para cinco partes de água, assim, a cor muda para um branco leitoso turvo. Fica turvo quando diluído com água devido a uma reação química entre a água, o álcool e os óleos do anis.

Espanha – Sangria

Antigamente era chamada de zurra, como ainda é conhecida em algumas cidades mais históricas, como Toledo. Há relatos da sangria na Espanha pelo menos desde os primeiros anos do século 19. Porém com o passar do tempo, a sangria perdeu a rusticidade dos séculos passados e ganhou mais elegância. Consiste em um coquetel de vinho tinto aromatizado com frutas e fortificado com uma dose de destilado. Apesar de levar vinho tinto, o resultado final é muito refrescante, sendo o drink perfeito para um encontro com os amigos.

África do Sul – Amarula

A bebida foi criada como um licor cremoso em 1989 e se tornou a bebida alcoólica mais famosa da África do Sul, vendida em mais de 100 países. A fruta que deixa a bebida com um gosto único e especial vem da árvore alta e folhosa de marula, que cresce na África Subsaariana. Pode ser bebida sozinha, com gelo, em coquetéis e até usada como ingrediente secreto em sobremesas.O sabor é doce, cremoso, com notas de caramelo e um toque cítrico, que formam uma composição irresistível.

Turquia – Raki

O Raki é uma bebida destilada produzida essencialmente a partir de uvas secas ou frescas, mas que também tem variedades produzidas a partir de figos e ameixas. No país, consome-se cerca de 60 milhões de litros da bebida, que é aromatizada com anis e tem teor alcoólico de 45%. Costuma ser servida em um copo fino, estreito e longo e é acompanhada por alimentos leves, como fatias de queijo feta e melão, pepino, alface e peixe.

Foto: Pixabay

Independente do país que mais representa a sua preferência para drinks, não faltam opções em Jaraguá do Sul para apreciar. Um happy hour no fim do dia é o momento perfeito para experimentar uma opção nova de bebida ou apostar no tradicional. Você pode conferir em setemelhores.com alguns lugares onde é possível celebrar bons momentos com deliciosas bebidas alcoólicas ou sem álcool.

Notícias no celular

Whatsapp