Crescimento rápido, inovação, diversificação de produtos com mercado sinergético, valorização humana, horizontalidade e diversidade. Essas são algumas características que fizeram a Bold chegar aos 20 anos de história como multinacional e líder na comercialização de acrílico e policarbonato em território brasileiro, atuando fortemente nos segmentos da indústria, de construção civil e de comunicação visual.

A empresa, que iniciou as atividades no dia 11 de agosto de 2001, nos fundos de uma casa em Jaraguá do Sul, hoje conta com dez unidades, entre centros de distribuição e filiais espalhadas pelo Brasil e também na Colômbia e na Ásia. No portfólio de marcas atendidas, o grupo reúne gigantes como WEG, BMW, Samsung, Budweiser, Claro, Vivo, LG, Itaú, AMBEV e O Boticário.

Todas as conquistas alcançadas tornam a Bold uma verdadeira realização. A empresa é fruto do sonho de empreender que acompanha o CEO Ralf Benedito Sebold desde a infância. Juntamente com os pais Arlindo Benedito e Maria Goreti Sebold, e a esposa, Nadia Raquel Minelli Sebold, ele reuniu forças e valores para fundar um negócio que atendesse às demandas do mercado, mas também fosse além dos números. Assim, nasceu a Bold, um grupo que se destaca pela excelência dos produtos, credibilidade nas relações comerciais e gestão com foco nas pessoas.

Ao analisar a trajetória da empresa, o sócio-fundador, Arlindo Benedito Sebold, diz que os resultados estão além da expectativa inicial. “Não tínhamos ideia que um negócio familiar se tornaria uma marca tão grande”, comenta.

Arlindo conta que o foco no mercado de acrílicos surgiu devido à demanda regional pelo material.

“Como não conhecíamos a área, fui a São Paulo, com a ajuda de um amigo, visitar o Mauro Atalla, da Romacril. Ele quem me ensinou o bê-á-bá do acrílico e depois, tornou-se um grande cliente nosso. Por isso, enfatizo a importância de todas as pessoas, sejam amigos, parceiros ou clientes que nos ajudaram nesses 20 anos. Esse apoio foi crucial para a Bold”, aponta.

No começo, o sócio-fundador recorda que a própria família fazia as operações da empresa.

“Lembro que eu media as peças para fazer dobras usando só um papel. Depois, fizemos diversos cursos, ganhamos conhecimento técnico e evoluímos nossos processos”, conta.

O grupo atuava apenas com a marca Acrílicos Santa Clara até 2011, quando a Bold foi lançada para ingressar na área de vendas de chapas e matérias primas. Em 2019, ocorreu a fusão entre as duas empresas e elas se tornaram uma só: a Bold.

“Percebemos que poderíamos aumentar nossa presença no mercado unificando as marcas, principalmente fora do país. A mudança foi bem aceita e fortaleceu muito os negócios”, explica o CEO Ralf Benedito Sebold.

CEO Ralf Benedito Sebold

Em relação ao futuro, Ralf garante que a meta é continuar crescendo e que a expansão será fruto de uma busca constante em ser referência no fornecimento de soluções para o segmento industrial, de construção civil e de comunicação visual.

“Vamos progredir com simplicidade, flexibilidade, agilidade e bom relacionamento, aspectos que estão conosco desde a criação da empresa”, declara.

O sócio-fundador Arlindo, além de agradecer todas as pessoas que trabalharam e ainda trabalham na Bold pelas contribuições, deixa um recado especial aos próximos bolders.

“Peço que todos ajam com sentimento de donos. Quando agimos assim, podemos até errar, mas tomamos atitudes, criamos oportunidades. E, os erros, fazem parte da evolução. Precisamos também, sempre nos colocar no lugar do cliente e produzir algo que nós compraríamos. Isso é fundamental”, completa.

A área produtiva é moderna, ousada e eficiente, preparada para atender às demandas do mercado. | Foto Divulgação/Bold