Quais são as principais diferenças entre a tradicional pizza italiana e a brasileira?

Foto: Pixabay

Por: Maria Luiza Venturelli

07/11/2022 - 13:11 - Atualizada em: 14/06/2023 - 16:19

No Brasil, a pizza é a marca registrada de reuniões familiares ou com os amigos, podendo ser dividida entre diversas pessoas, geralmente no jantar. Na Itália, é muito comum saborear a iguaria de forma individual, em qualquer hora do dia, até no almoço. Várias outras diferenças no preparo e ingredientes do prato feito no Brasil e na Itália tornam as pizzas dos dois países únicas e saborosas, dando ênfase às diferenças culturais e gastronômicas dos dois países.

Foto: Pixabay

Tamanho

O tamanho da pizza italiana costuma chamar muita atenção dos brasileiros, pois as pizzas italianas normalmente são pratos individuais, em um tamanho que equivale à pizza brasileira pequena e normalmente é preparada com apenas um sabor. Na Itália, a massa da pizza é mais fininha e leve, sendo comum pedir uma pizza para consumir sozinho.

E a pizza grande ou gigante, que pode ser repartida com muitas pessoas, encontrada em pizzarias de diversas regiões do Brasil? Ela não é encontrada na Itália, pois é uma invenção dos pizzaiolos brasileiros.

Formato

O formato também é um dos principais diferenciais entre as pizzas italianas e brasileiras. No Brasil, o prato é mais comum no formato redondo, mas na Itália pode variar de acordo com o tipo de pizza.

Em terras italianas, a pizza redonda é conhecida como tonda ou rotonda, tem massa fina e é servida em porção individual, sendo encontrada em diversas regiões do país, principalmente em Nápoles. Também existe a portafoglio, uma outra versão redonda que é cortada em quatro pedaços, embrulhada e costuma ser consumida na rua.

A principal diferença do Brasil é que na Itália também é muito comum encontrar pizzas quadradas e com massa mais grossa, como a al taglio, que é comum em Roma, assada em forma retangular e servida em pedaços quadrados. A sfincione também é assada quadrada e com a massa mais grossa.

Também existe a alla pala, que tem formato retangular, alongado e bordas arredondadas, e pode ser combinada com vinhos e outros petiscos e dividida com mais pessoas. E claro, também é muito comum o formato de calzone, com a massa de pizza fechada.

Massa

O tipo de massa, combinada com o recheio, faz toda a diferença no sabor e na experiência gastronômica de saborear uma boa pizza. A massa da pizza feita na Itália e no Brasil tem várias diferenças, principalmente nos ingredientes e no modo de preparo.

A base para a massa de pizza costuma ser feita com farinha de trigo, água, fermento, sal e azeite, em alguns casos. No Brasil é mais comum encontrar farinhas integrais e dos tipos 2 e 1, já na Itália há mais dois tipos de refinamento, 0 e 00, essenciais para massas leves e com elasticidade, marca registrada das pizzas italianas,

O modo de preparo pode variar entre fermentação curta, média ou longa. Também varia o tempo de forno e a altura da massa, de acordo com o tipo de pizza. No Brasil, a variação depende da receita típica da pizzaria e pode mudar conforme o gosto do cliente.

Sabores e ingredientes

A quantidade e variedade de sabores no cardápio de pizzas é uma das principais diferenças entre o prato feito no Brasil e na Itália. Na Itália, as pizzas levam ingredientes mais frescos e de qualidade, e tudo costuma ser preparado na hora. São comuns sabores como Margherita, feito com mussarela, manjericão e azeite; Marinara, preparada com tomate, alho, orégano e azeite; e Diavola, apimentada com fatias de salame e queijo.

E também sabores com ingredientes mais refinados, como a Frutti di Mare, que leva camarões, lulas, mexilhões e outros frutos do mar e a Capricciosa, preparada com presunto cru, alcachofras, azeitonas, cogumelos e queijo.

No Brasil, entre as mais pedidas, estão a pizza de calabresa, mussarela, frango com catupiry e portuguesa. Porém, as pizzarias brasileiras nunca deixam de inovar na variedade de ingredientes, criando combinações diferentes que variam conforme a região. Os sabores doces também são típicos do Brasil e na maioria das vezes combinam recheios de chocolate branco ou preto e frutas, como morango, banana e abacaxi.

Borda recheada

A borda recheada com queijo ou chocolate é uma invenção brasileira, considerada parte essencial da pizza para muitas pessoas. Na Itália, a preferência é por bordas simples, tradicionais, com a massa fina e elástica.

Foto: Pixabay

Seja no Brasil ou na Itália, a pizza é paixão nacional nos dois países, com diferentes versões da receita. As pizzarias de Jaraguá do Sul tem cardápios com opções para todos os gostos, clássicos ou inovadores. Uma pizza saborosa e quentinha é a pedida perfeita para quem quer aproveitar bons momentos gastronômicos. Acesse setemelhores.com e conheça algumas das melhores pizzarias da cidade.

Notícias no celular

Whatsapp