Acordar de manhã cedinho, pegar aquele copo de leite e sentar-se em frente à televisão com aquele leve sentimento de ansiedade, enquanto esperamos o nosso desenho favorito começar. Quem não possui uma recordação deliciosa, como essa, da sua infância?

São muitos os desenhos que marcaram essa fase de nossas vidas, mas com certeza muitos deles ainda temos o gostinho de assistir mesmo depois de anos. Com a imaginação a mil e o amor pelos desenhos, Elisa Baasch, design, e Filipe Cargnin, roteirista, resolveram tirar do papel e colocar na prática algo que tinham em mente: criar a animação Boris e Rufus.

O desenho retrata a história de um cachorro, um gato e um furão que acredita ser um cachorro. O trio se aventura no mundo online e offline ao acessar a “interpetnet” e usar as diversas tecnologias enquanto o dono não está por perto. Uma forma de trazer para os telespectadores pequenas reflexões que podem ajudar crianças e adultos na compreensão de alguns cuidados.

Porém, o que poucos sabem é que há três anos essa animação encantadora é produzida em Blumenau pelo Belli Studio, localizado no bairro Vila Nova. Para a produtora-executiva Aline Muxfeldt S. Belli, o principal desafio é preparar roteiros que possam atrair a atenção. “A série precisa conversar com crianças do Brasil e também do exterior. O que segura uma pessoa em frente à televisão para ver um episódio é uma boa história”, destaca.

Produção do furão Rufus l Foto Divulgação/Belli Studio

O estúdio já produziu um total de 26 episódios da primeira temporada e também um especial de Natal. Atualmente, os profissionais envolvidos trabalham na pré-produção da segunda temporada, inclusive na última semana de maio as vozes começarão a ser gravadas pelos atores. O desenho já faz parte da grade de exibição do canal Disney XD, Disney Channel, TV Cultura e YouTube, e a partir do mês de maio entrará também em diversas plataformas de vídeo on demand.

Em 2018, o desenho chegou a receber o troféu Animacción, do prêmio Chilemonos, após ser o mais votado por um público de mais de 20 mil crianças entre oito e 13 anos. Além de Boris e Rufus, a produtora já animou diversos episódios de Peixonauta, Meu Amigãozão, Patati Patatá,  Luna, Carrapatos e Catapultas, entre outros.

Para aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de acompanhar ao menos um episódio da série, vale a pena cada instante. Pegue seu copo de leite, chame a família para se reunirem em frente da televisão, se desconectem por alguns instantes das redes sociais e curtam juntos uma boa história que traz a valorização da amizade e da ajuda ao próximo, tudo aquilo que o mundo necessita atualmente.

Confira um episódio da série

Quer receber as notícias no WhatsApp?