Você lembra da famosa Lanchonete do Italiano em Jaraguá do Sul?

Foto: Arquivo pessoal

Por: Milena Natali

10/04/2024 - 11:04 - Atualizada em: 10/04/2024 - 15:31

Há 46 anos, bem no centro de Jaraguá do Sul, a Lanchonete do Italiano era o ponto de encontro dos varejistas da Rua Reinoldo Rau. Na época, funcionários da Loja de Móveis Disapel, Mercado Minibox, Cantinho do Presente e Color Tintas marcavam presença durante o almoço ou depois do expediente.

Tudo começou com o casal Vilmar Bompani e Anilza Luzia Pellense Bompani, em 1978. Sempre inovando nos pratos e bebidas, a dupla conquistou o coração, ou melhor, o estômago daqueles que por lá passavam. A especialidade da casa era o pão com bolinho, cachorro-quente, polenta, x-salada, caldo de cana, pastel e por aí vai… Ah, tudo caseiro, viu?

E dizem que não funciona misturar trabalho e casamento, olha aí! Foi justamente o casal que levantou o negócio. Sr. Vilmar era pedreiro até então, mas ele e a esposa Anilza construíram a Lanchonete do Italiano, bem no meio do município, com a Igreja Matriz São Sebastião aos fundos. Hoje, na Rua Reinoldo Rau, número 220, localiza-se o Receituário.

Foto: Google Street View

Nas sextas-feiras era dia de costelada, e a lanchonete era o point da cidade. Os ex-proprietários afirmam que “era simples, mas sempre com muito amor; era ótimo, na verdade, pois estávamos rodeados de amigos e familiares, jamais nos esqueceremos daqueles dias!”

Vilmar recorda de uma história engraçada com seus filhos, que o ajudavam ainda crianças. “Teve uma vez que já estava no fim do dia, e começou a vir muita gente na lanchonete pedir cachorro-quente. Não tínhamos mais salsicha, apenas uma, então, olhei para minha filha e ela sugeriu que cortasse os pedaços bem pequenininhos. Pensei que não daria certo, e no final, fizemos cinco lanches! Os clientes saíram felizes da vida, e ainda ganharam uma dose de cachacinha.”

Vilmar e seus dois filhos, Nilmar e Nilmara.

Foto: Arquivo pessoal

Vilmar e seus dois filhos, Nilmar e Nilmara.

Vilmar e Anilza tinham ideias para expandir o negócio, mas em 16 de março de 1990, o ex-presidente Fernando Collor de Mello implementou o Plano Collor, que consistia no confisco das cadernetas de poupança por 18 meses, o que os quebrou totalmente. Hoje, o casal lembra com carinho e orgulho do estabelecimento que por mais de uma década fez história.

“Foram 12 anos de lanchonete, de amizades que levamos até hoje conosco, somos gratos pelo o que vivemos, com a certeza de que quem provou nosso pão com bolinho, o famoso hambúrguer, ainda sente o gostinho caseiro, e se lembra do início do comércio nesta tão linda cidade que é Jaraguá do Sul!”

Vilmar Bompani e Anilza Bompani.

Hoje os dois são aposentados, com 51 anos de casamento, ainda residindo em Jaraguá do Sul, mas com outro tipo de negócio, o aluguel de quartos e quitinetes… É o que dizem, um casal que sonha junto, permanece junto!

Notícias no celular

Whatsapp