A segunda quinta-feira de junho (9), amanheceu gelada em Jaraguá do Sul, com temperatura que chegou a 2°C. Em Santa Catarina, diversos municípios registraram geada nessa madrugada, até mesmo pelo Litoral. Apesar de o sol ter aparecido e deve permanecer durante todo o dia, o vento gelado diminui a sensação térmica e também faz com que as nuvens se aproximem, principalmente mais para o final do dia.
Veja as temperaturas mais baixas registradas nas estações de monitoramento da Defesa Civil em Jaraguá do Sul nesta quinta-feira (9)
5h50 – Malwee Malhas 5,3°C
6h10 – Três Rios do Sul 4,3°C
7h – Rio da Luz 2,6°C
7h – João Pessoa 2,8 °C
7h20 – Rio Cerro II 3,3°C

De acordo com dados da Epagri/Ciram, a cidade de Urupema, na Serra, registrava -5,1°C por volta das 6h, a temperatura mais baixa do ano até agora no estado. A sensação térmica era de -29ºC.
As madrugadas do fim de semana (11 e 12) serão as mais frias do período, com temperatura mínima próxima e abaixo de zero, na madrugada e amanhecer, em grande parte do Estado, ficando entre -4 e -6 ºC (negativos) nas áreas mais altas do Planalto.

Veja a previsão para o fim da semana:

previsão do tempo
Ainda segundo o sistema Epagri/Ciram, a previsão fica com condição de neve, entre a noite de sexta-feira (10) e madrugada de sábado, nas áreas mais altas do Planalto Sul. Condição de geada, nos demais dias, generalizada nas áreas altas do Oeste ao Planalto, e isolada nas demais regiões, incluindo o Litoral.
Uma massa de ar polar domina o Sul do Brasil, e outra massa de ar polar atinge a região no fim de semana.
Recomendações da Defesa Civil para o frio
- Agricultores devem tomar medidas preventivas devido previsão de geada;
- Atenção com população mais vulnerável, como enfermos, moradores de rua, idosos e crianças;
- Abrigar animais domésticos nas noites mais frias;
- Em virtude das doenças causadas pelo frio (gripe, resfriados, pneumonia, meningite) é essencial tomar medidas simples como manter-se bem agasalhado, beber bastante água e evitar locais fechados e de grande circulação de pessoas, além da higiene frequente das mãos.
Fontes: Defesa Civil SC, Aconteceu em Jaraguá, CPTEC, Epagri/Ciram e Blog do Puchalski