Foto: Marcelo Lamas
Foto: Marcelo Lamas

Marcelo Lamas, gaúcho nascido em Pelotas, que há 25 anos fez de Jaraguá do Sul sua casa acaba de lançar o quarto livro de crônicas. Intitulada "Papo no Cafezinho", a obra trata de assuntos que giram em torno dos cafés, das cafeterias e conversas que surgem no momento de apreciar esta bebida.

Todas as 46 histórias retratam o cotidiano de Jaraguá do Sul nos últimos cinco anos, registrando os fatos mais pitorescos aos olhos do autor, como as festas corporativas de final de ano, as férias coletivas, os golpes da natureza humana e os relacionamentos.

No livro, há relatos inéditos escritos recentemente por Marcelo, inclusive sobre a pandemia do coronavírus e outros, que já foram publicados em páginas como o antigo site do Por Acaso e o Um Cafezinho, de São Paulo.

Foto: Arquivo Pessoal

Além disso, o lançamento da obra marca os 25 anos ininterruptos do cronista na escrita. Lamas já publicou artigos em diversos sites, além de revistas e jornais impressos.

"Quando eu vou fazer um livro eu publico uma boa parte daquilo que já saiu em jornais e sites, que às vezes acabam se perdendo - eu faço uma seleção disso e faço um livro. O primeiro livro que eu publiquei, já tinha 15 anos de escrita e não tinha nenhum registro em livro", explica o escritor.

Ele conta ainda que guarda todos os jornais e revistas que contenham publicações dele, porém, alguns conteúdos publicados em sites que não existem mais, acabaram sendo perdidos. Em suas contas, já escreveu cerca de 400 crônicas e artigos.

Foto: Max Pires/OCP News

Em "Papo no Cafezinho", você vai se deparar com muitas histórias do cotidiano jaraguaense. "Como o cara que saiu escondido e a esposa descobriu depois", relembra o autor. Ele explica ainda, que as histórias são todas reais, mas que os nomes dos personagens foram trocados.

Sua intenção, além de marcar os 25 como escritor é também mostrar para quem é de fora, assim como ele, como é Jaraguá do Sul e a vida na cidade.

Carreira na escrita

"Quando eu tinha 17 anos, dei uma ideia para mudar o trânsito da minha cidade, Pelotas, que tinha um problema de trânsito grave. Eu escrevi uma carta para o jornal, na maquina de escrever, sugerindo alteração e aquilo causou uma revolução na cidade", conta o gaúcho.

Após a publicação, o jovem Marcelo foi chamado para um programa de rádio para falar sobre a possível alteração, mas ele não estava sozinho. Todas as autoridades responsáveis pelo trânsito e pelas alterações na cidade, também estavam lá.

"E aquilo fez eu pensar que eu era escritor, porque publiquei uma opinião no jornal sugerindo uma coisa que causou um reboliço enorme. Isso também me motivou a sempre escrever e eu nunca mais parei", acrescenta.

Graduado em Engenharia Elétrica, com especialização em Comunicação, Marketing e Negócios, Marcelo mantém a escrita como hobby. Ele brinca que alguns colegas de trabalho acham engraçado ver um engenheiro escritor, mas que a resposta é sempre a mesma. "A escrita chegou na minha vida antes que a engenharia".

Edital de cultura

Em 2018, Marcelo Lamas conseguiu a publicação de sua quarta obra através do edital 005/2018 da Secretaria de Esporte, Cultura e Lazer (Secel), de Jaraguá do Sul. Naquele ano, ele apresentou a proposta do livro, que desde então passou por ajustes, até chegar na versão que foi impressa.

"No fim do ano passado, quando a verba foi aprovada, tinha um prazo para entregar o livro. Começou a pandemia e ainda tinha uma revisão a ser feita, então eu inseri uma crônica que fala sobre a quarentena", contextualiza o autor.

Foto: Arquivo Pessoal

Ele acrescenta ainda, que a ideia de um livro de crônicas é registrar o que está acontecendo no momento, por isso, entendeu que seria pertinente inserir um texto que falasse sobre a pandemia.

Por ser uma obra oriunda de um edital municipal, "Papo no Cafezinho" não será comercializado. O livro será distribuído nas escolas de ensino médio da cidade e ficará disponível na biblioteca municipal.

O livro também está disponível na versão online, em e-book, gratuitamente no perfil da Design Editora no site Issuu.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul