Recentemente a marinha britânica testou um novo equipamento que muita gente lembrou de um super-herói dos filmes.

A novidade para os fuzileiros britânicos se trata de uma mochila a jato, que tem muitas semelhanças com a armadura do personagem homem de ferro.

Imagem retirada do filme "Homem de Ferro".

O equipamento ainda está em fase de testes. Recentemente, médicos já utilizaram a mochila em uma simulação de resgate de pessoas feridas em locais de difícil acesso.

Desta vez, os fuzileiros voaram de um pequeno barco em alta velocidade, até um navio de patrulha da marinha.

Segundo os soldados, alternativa foi considerada mais segura e ágil.

Mochila a jato

A mochila pesa aproximadamente 28 quilos, e utiliza querosene de avião para o voo.

O usuário controla o equipamento mudando as turbinas de direção com as mãos.

Por estar em fase de testes, o produto ainda não é comercializado, mas o seu uso será específico para áreas da segurança, militar e médica.

A brasileira Karina Oliani, foi a primeira sul-americana a voar com a mochila a jato, segundo ela, o equipamento pode ser essencial para salvar uma vida.

"Isso pode salvar a vida de uma pessoa. Mesmo com uma autonomia de voo curta, o resgate pode chegar em questão de minutos para dar o primeiro atendimento”, destacou Karina.