"Laboratório Cena Contemporânea" online traz programação com artistas convidados de Itajaí

Espetáculo Rinha | Foto Ambar Audiovisual Espetáculo Rinha | Foto Ambar Audiovisual

Entretenimento

Por: Laide Braghirolli

segunda-feira, 01:56 - 22/02/2021

Laide Braghirolli

O "Laboratório Cena Contemporânea" online abre nesta segunda-feira (22) a programação cultural da Itajaí Criativa – residência artística em 2021. O evento é gratuito e será transmitido até 26 de fevereiro, sempre às 20h, pelo YouTube.

A programação reúne grupos e artistas convidados, entre eles Mauro Filho e Leandro Cardoso, da Karma Coletivo de Artes Cênicas; Grupo Risco de Teatro; o ator e diretor Daniel Olivetto, da Cia Experimentus Teatrais; e o ator Jônata Gonçalves.

As peças teatrais, leituras encenadas e rodas de conversas promovidas serão acessíveis, contando com intérprete de Libras para surdos ou ensurdecidos. A classificação indicativa sugerida é para maiores de 16 anos.

O evento tem como objetivo discutir, divulgar e promover a cena teatral contemporânea em Itajaí desde a produção, formação e inserção no cenário nacional. Neste ano, em que os artistas ainda estão se reinventando na maneira de produzir e de se relacionar com o público devido à Covid-19, a programação foi adaptada para o formato online.

As atividades serão uma mescla de transmissões ao vivo com materiais já finalizados e gravados, adaptados especialmente para o ambiente virtual, como as peças "Rinha", do Grupo Risco de Teatro, e "Amar é Crime", do ator Jônata Gonçalves, além das leituras encenadas "Hiportermia" e "Blow me up ou Sobre a natureza dos homens-bomba", de Max Reinert.

 

“Esperamos poder começar o ano trazendo uma programação que seja de qualidade e discutindo questões artísticas que dialogam com os acontecimentos deste momento histórico. A contemporaneidade não é um 'estilo', é sobretudo a capacidade de uma obra em se relacionar – mesmo que seja estando em discordância – com a sociedade em que está inserida. Nosso desejo é contribuir para o entretenimento dos espectadores e também oferecer a oportunidade de pensarmos juntos sobre o futuro”, completa Reinert.

×