O Instituto de Cultura e Educação de Joinville, que realiza a Feira do Livro, divulgou resultado do Prêmio Literário Cidade de Joinville. Mais do que um aquecimento para a 15ª edição da feira, em junho, o concurso mirou a promoção da criação artística, valorizando assim talentos e contribuindo para a formação e ampliação do público leitor.

Dentre as obras literárias inéditas de autores que moram em Santa Catarina analisadas pelo júri, sobressaiu-se o conto “O Empalhador de Anões e Outras Histórias”, de Talita Rodrigues, jornalista e estudante de mestrado em literatura na UFSC. A premiação de R$ 10 mil será entregue a ela em cerimônia no dia 16, durante a Feira do Livro.

“Além de feliz, estou surpresa com o resultado. Sou muito tímida e talvez por isso eu goste tanto de escrever. No entanto, não costumo mostrar meus textos para ninguém, o que faz com que eu não tenha retorno de terceiros sobre o que escrevo.

A notícia de que fui a vencedora do Prêmio Literário Cidade de Joinville acabou sendo esta resposta. Pra mim isso significa que posso seguir em frente com a literatura, minha grande paixão”, diz Talita.

Outros autores foram indicados pela comissão julgadora pelos excelentes trabalhos apresentados. Assim, receberão menção honrosa Giovani Raimundi Arceno, Camila dos Santos Gomes, Hilton Gorresen e Fabrício Porto.