Quem costuma passar a pé pela Rua Domingos Rodrigues da Nova, no Centro de Jaraguá do Sul, certamente já ouviu o som de um instrumento musical ecoando pelas redondezas.

Nascido e criado na cidade, Antônio Schmitt seria mais um jaraguaense comum que aproveita o tempo livre para se dedicar à música, não fosse a sua idade. Aos 99 anos, recém completados, o aposentando esbanja simpatia e disposição.

Aos 99 anos, Antônio Schmitt esbanja disposição

Um vídeo compartilhado pela neta dele, Ana Paula Schmitt, mostrando Schmitt tocando para comemorar o aniversário ganhou notoriedade nas redes sociais esta semana e dá pistas de como o quase centenário é: animado, talentoso e cheio de vontade de viver. Confira:

Não é apenas tocando música que o jaraguaense Antônio Schmitt se diverte. Todas as quartas-feiras à tarde, ele coloca a camisa social e caminha em direção à Matriz São Sebastião, onde ocorrem os encontros do Clube Zélia Schmitt Haffermann.

Lá, encontra velhos conhecidos e também faz novas amizades, em tardes divertidas, e aproveita para dançar. Como bom pé de valsa, não fica parado. “Não sei se por causa da minha doçura ou azedura, mas fazem fila para dançar comigo. Danço umas dez músicas por tarde”, diz.

Música, dança e passeio são as paixões de Schmitt
Música, dança e passeio são as paixões de Schmitt

Além de música e dança, uma das paixões de Schmitt é passear. Ele adora caminhar a pé pelo centro, em idas ao mercado, barbearia e até o início do calçadão para tocar para os amigos em uma padaria, e também gosta de dirigir.

Autor: Heloísa Jahn - OCP Online

Fotos: Eduardo Montecino