A prefeitura de Jaraguá do Sul e os responsáveis pelos blocos carnavalescos da cidade decidiram ontem, 05, pelo cancelamento do Carnaval em 2017. O acordo, firmado durante uma reunião com a secretária de cultura, esporte e lazer, Natália Lucia Petry, também garante que a festa volte com força total em 2018.

A decisão de cancelar o Carnaval em Jaraguá do Sul foi tomada em conjunto e teve a crise como motivo principal. Segundo a secretária, nem a prefeitura e nem os blocos possuem verba para a realização do evento.

Para Natália Lucia Petry, o momento é delicado. “O poder Executivo não dispõe de recursos e a organização dos blocos também não conta com nenhum fundo para que o Carnaval aconteça”, lamenta.

A secretária lamentou o cancelamento do Carnaval em Jaraguá do Sul
A secretária lamentou o cancelamento do Carnaval em Jaraguá do Sul

Apesar do cancelamento, a secretária se mantém otimista sobre o Carnaval de 2018. “Vamos trabalhar junto com os blocos para que o evento aconteça no ano que vem”, garante. “Para isso, buscaremos a captação de recursos como os da Lei Rouanet”, afirma.

Para Iracema Pinheiro, responsável pelo bloco Em Cima da Hora, a decisão de cancelar o Carnaval em Jaraguá do Sul é triste, mas compreensível. "Fico muito sentida de saber que não teremos a festa neste ano, mas também entendo que a prefeitura e todo o Brasil passam por uma situação financeira complicada", comenta.

O bloco Em Cima da Hora é figura tradicional no Carnaval Jaraguaense
O bloco Em Cima da Hora é figura tradicional no Carnaval Jaraguaense

O desejo de Iracema é que em 2018 a festa volte a ser comemorada com toda a grandiosidade que merece. Há quem pense que a data não combina com Jaraguá do Sul, mas vale lembrar que o Carnaval é celebrado por aqui desde a década de 1920.

A secretária Natália Lucia Petry informou ainda que o calendário com os próximos eventos culturais, esportivos e de lazer de Jaraguá do Sul será divulgado de maneira unificada. “Como agora estas pastas formam apenas uma secretaria não faz sentido divulgar calendários separados”, explica.

A equipe da secretaria de educação também participa ativamente da elaboração desse cronograma.