A 27ª edição do Jaraguá em Dança terminou no domingo (3) com gosto de quero mais. O evento tradicional do calendário cultural da cidade, que ocorreu no Grande Teatro da Scar desde 23 de setembro, em dias alternados, contou com total de 15 sessões e a volta parcial de público, restrito a 30% da capacidade do local, o que corresponde a 280 pessoas por sessão. A medida seguiu as orientações dos decretos sanitários de enfrentamento à pandemia de Coronavírus, que também incluíram uso de máscaras, distanciamento e higiene.

Foto: Divulgação PMJS

Por causa da limitação de público, a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer promoveu a transmissão do Jaraguá em Dança ao vivo pelos canais de comunicação da Prefeitura e da Secretaria, que renderam 46.492 visualizações. Para a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Natália Lúcia Petry, a realização do Jaraguá em Dança, mesmo com limitação de público, ocorreu com expectativa.

“Trata-se de momento esperado por meses por toda a comunidade envolvida”, comemorou.

De acordo com o diretor de Cultura da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Sidnei Marcelo Lopes, as transmissões agregaram a participação de mais pessoas, inclusive de fora do país, e serão uma nova ferramenta do evento a partir da experiência positiva. As interações vieram de Cambé (PR), Rio Negro (PR), Canoinhas, São Pualo, Minas Gerais, Cruz Alta (RS), Alegrete (RS), Caxias do Sul (RS) Curitiba, Paranaguá (PR), Ponta Grossa (PR), Céu Azul (PR), Florianópolis, Sumaré (SP), João Pessoa, Manaus, Bahia, Rio de Janeiro, Itajubá (MG) e também de outro países como Japão e Estados Unidos.

O diretor enalteceu a qualidade técnica das apresentações e classificou o evento como exitoso, tanto nas apresentações quanto nas transmissões e no trabalho da equipe organizadora.

Os comentários nas redes sociais renderam elogios à transmissão e à questão da inclusão com participação da intérprete de libras. O Jaraguá em Dança deste ano contou com público de 4.990 pessoas (restrito a 30% da capacidade da Scar) que prestigiou 33 entidades, 1.225 bailarinos, 55 coreógrafos, 73 auxiliares e 195 coreografias divididas em 15 sessões.

Confira comentários de internautas

“Muito lindo este trabalho. Dança é cultura, parabéns aos envolvidos neste trabalho”, Santos Michelly, de Francisco Beltrão (PR).

“Sou de Pernambuco. Assistindo para prestigiar” Bruna Marinho.

“Só com transmissão para assistir de Caxias do Sul” Gui Polagi

“Prestigiando o Pablo. Sou Leandro Santos, de Céu Azul (PR)”

"Assistindo de Los Angeles esse espetáculo” Alessandra Utech.

“Estamos na torcida aqui do Rio de Janeiro” Renato Pedroso da França

“Jaraguá em Dança é um sucesso. Estou em Itajubá (MG)” Igor Soares.

“Parabéns pelas apresentações. Prefeitura, parabéns pela preocupação com a acessibilidade em libras” Nicolas V. Kersting.

A primeira noite, no dia 22 de setembro, contou com evento de gala e celebrativo destinado aos coreógrafos, além de apresentação com Edson Nascimento, da Escola de Dança da Scar. Na ocasião, houve o lançamento do videoclipe oficial do evento. A transmissão pode ser conferida aqui.

Na noite de 23 de setembro, o destaque foi a participação especial da Companhia Jovem Bolshoi Brasil que reviveu, depois de muito tempo, a emoção das apresentações presenciais. O Bolshoi trouxe o espetáculo “O Gala Bolshoi”, com coreografias diversificadas, dança contemporânea e trechos de renomados balés de repertório, além de trabalhos criados pelos próprios bailarinos e também por profissionais formados na instituição.

Foto: Divulgação PMJS

Outra manifestação artística, além da dança, pôde ser conferida: a exposição resultante do 1º Concurso de Fotografias “Jaraguá do Sul 145 olhares”, que fez parte da programação de aniversário do município, em julho. Evento de premiação dos 20 cliques selecionados ocorreu em 12 de agosto, no Centro de Inovação. Na ocasião, ficou conhecida a foto vencedora da votação popular para representar os 145 anos de Jaraguá do Sul.

A escolha ocorreu entre 5 a 10 de agosto. Rodrigo Murara teve a foto inscrita na categoria Arquitetura e Monumentos eleita com 1.097 votos, o equivalente a 50,6% do total (2.168). Os 256 cliques inscritos no concurso passaram por avaliação de três fotógrafos profissionais atuantes em Jaraguá do Sul, com notas de 5 a 10. Os registros escolhidos serão utilizados pela municipalidade como ilustração de campanhas, trabalhos estudantis e em exposições itinerantes. As cinco melhores fotos das quatro categorias receberam premiações em dinheiro.