Foto Divulgação
Foto Divulgação

O segundo Festival de Cinema de Jaraguá do Sul está cada vez mais próximo. E pra melhorar ainda mais, os filmes desta edição já foram divulgados pela comissão organizadora, nesta quarta-feira (20).

Os filmes do dia 16 e a primeira sessão do dia 17 são destinados para crianças a partir de 10 anos; a segunda sessão, para crianças a partir dos cinco anos. Já os filmes exibidos no dia 18 são destinados para pessoas a partir dos 12 anos.

O Festival de Cinema, uma produção do Instituto Fescine, ocorre de 16 a 18 de maio, na Scar, e conta com 370 participantes. São representantes de todo o Brasil, num acréscimo que corresponde a aproximadamente 40% em relação à primeira edição do evento.

O Festival de Cinema é aberto para a participação de produtores, estudantes, profissionais, amadores, independentes, e tem como missão promover o empreendedorismo cultural por meio da produção audiovisual. Serão admitidas produções de todos os gêneros, exceto vídeos institucionais, publicidade e videoclipes.

Confira os filmes selecionados

1 – O último índio, de Maria Murer – animação/drama, 12 minutos, 2017, 10 anos, Lageado (RS). Sinopse: Quando a aldeia acaba, o velho pajé Tamai leva o último índio, o jovem Caiua, para viver com o povo índio irmão. E vai ensinado Caiua, que vivia com os homens brancos, a ser índio de novo;

2 – No caminho da escola, de Rosaria Moreira – animação/aventura, nove minutos, 10 anos (ES). Sinopse: Ao entrar num ônibus da escola, uma menina viaja pelos planetas da tecnologia, dos livros, dos doces e salgados, até se dar conta do melhor planeta do mundo: o nosso;

3 – As aventuras do menino pontilhado, de Leo Tabosa – animação/aventura, 14 minutos, 2016, 10 anos (PE). Sinopse: Joãozinho é transportado magicamente para um novo mundo: o planeta Lata. Lá , ele torna-se num desenho pontilhado e, ao lado da agente secreta Alice, enfrenta diversas aventuras;

4 – O muro era muito alto, de Marcelo Marão – animação/drama, quatro minutos, 2018, 10 anos (RJ). Sinopse: Existia esse ratinho...Todo dia ele aproximava-se do muro e ficava olhando para cima. Na verdade, ele tinha muita vontade de subir o muro, mas o muro era muito alto;

5 – 8 Patas, de Fabrício Rabachim, Gabriel Barbosa e Pietro Nicolodi – animação/terror, 2min25, 2017, 10 anos (SP). Sinopse: Ao receber uma visita inesperada, Beatriz se vê dentro de seu pior pesadelo. Uma pequena aranha transforma o conforto em uma sucessão de desventuras, que provará que o maior perigo a enfrentar é o seu próprio medo;

6 – Campanha Vacinação, com alunos da Escola Valdete Piazera – 2min12, 2018. Realização: Fescine, Rotary E-Club de Jaraguá do Sul, Rotary Club de Jaraguá do Sul – Vale do Itapocu, Rotary – Club de Jaraguá do Sul, Secretaria Municipal de Saúde, Secretária de Cultura, Esporte e Lazer e Prefeitura de Jaraguá do Sul;

7 – A Dúvida, de Isaac Huna e Piero Ragazzi – comédia, 5min09, 2018. Sinopse: Os professores da Escola Valdete Piazera debatem, de forma engraçada, a dúvida de um colega;

8 - O Medo, de Isaac Huna e Piero Ragazzi – suspense, 6min20, 12 anos. Sinopse: Um adolescente tenta enfrentar seus medos cotidianos relacionados com seu pai;

9 – O Massacre – com alunas da Escola Valdete Piazera – suspense, 7min35, 10 anos. Sinopse: Misteriosos fatos acontecem envolvendo uma garota;

10 – Inspetor Lopez, de Yanina Tiribelli – animação/infantil, 15 minutos, 2018, 10 anos, Buenos Aires, Argentina. Sinopse: Um atrapalhado detetive tenta desvendar um misterioso roubo acontecido num importante museu da cidade;

11 - Questão de Gênero, de Bruno Rengel – comédia, 6min40, 2018 ,10 anos, Jaraguá do Sul. Sinopse: Após ir até uma produtora de cinema com uma proposta de fazer um curta-metragem, Breno se depara com sua falta de criatividade ao tentar escolher o gênero de seu filme.

12 – Um filme de baixo orçamento, de Paulo Leierer – comédia, 13 minutos, 2018, 10 anos (SP). Sinopse: Misto de institucional, imagens de arquivo, documentário e making of, o curta é a tentativa de cientistas do "Instituto Brasileiro de Pesquisas Alternativas e de Segunda Importância" de combaterem a falta de verba, o fechamento do instituto e a tentarem manter seus sonhos vivos;

13 - Cadarço, de Eduardo Mattos – ficção, 17 minutos, 2017, 10 anos, São Paulo. Sinopse: Cativado por Ana, colega de classe, Zeca tenta se aproximar, mas é impedido por um garoto agressor. Diferentemente do que pretendia, o acidente aproxima ainda mais Zeca e Ana;

14 – Self machioneman, de Fernando Duarte – animação, 3min48, 2018, 12 anos , Uberlândia (MG). Sinopse: Trata-se de uma visão bem-humorada das três entidades psíquicas sugeridas por Sigmund Freud nas atitudes e comportamentos de uma pessoa: Ego, Superego e Id. Na série, um rapaz universitário tímido e neurotizado tenta lidar com sua vida com a ajuda (?) destas entidades;

15 – Duas Cerejas, de Rafael Almeida – comédia/drama, 15 minutos, 2018, 12 anos, São Paulo. Sinopse: Valdeci está em luto pelo falecimento de seu marido, mas com a ajuda da filha, da neta e do primeiro contato com a tecnologia, perceberá que dor e liberdade são dois lados da mesma moeda;

16 – O demônio e as margaridas, de Ronaldo dos Anjos – comedia/drama/arte, 15 minutos, 2016, 12 anos, Florianópolis (SC). Sinopse: O tatuador Jerônimo recebe a visita do demônio que vem lhe cobrar a quebra de um contrato. Ele havia liberado os direitos autorais de sua imagem para que Jerônimo pudesse ganhar muito dinheiro. Então, ante suas próprias divergências, os dois travam uma batalha verbal;

17 – Não me deixe aqui sozinha, de Marcoz Gomez – drama/aventura, 20 minutos, 2017, 12 anos, (RJ). Sinopse: Clara, de 8 anos, que após ser esquecida pelos pais dentro do carro, conhece a pequena Alice. Logo, as duas acabam num trilho de trem em Soturno, distrito de Cachoeiro de Itapemirim (ES) e descobrem coisas em comum;

18 - Nossa terra, de Samuel Moreira – documentário, 19min45, 2018, clasificação livre, Itajaí (SC). Sinopse: Produzido na terra indígena Ibirama-Laklãnõ, em Ibirama (SC), aborda a questão da educação na comunidade, sobre o ensino da língua e o resgate da cultura com professores indígenas que têm qualificação superior;

19 - Siga Violeta, de Armando Azevedo e Carolina Silvério – ficção, 17 minutos, 2017, 12 anos, Salvador (BA). Sinopse: Artur e Lolla flutuam no mesmo mundo, apenas separados por fama e influência. Após um encontro com Violeta, suas rotinas serão chacoalhadas;

20 - Perda, de Ricardo Rama – Drama, 7min50, 2018, 12 anos (RJ). Sinopse: Era apenas uma volta simples para casa...;

21 - Sonhos, de Douglas Alves Ferreira – Experimental/drama/fantasia, 5 minutos, 2019 , livre (SP) . Sinopse: Uma vez um sonho teceu uma sombra e, cheia de pena, deixo cair uma lágrima. Mas eu vi luzes próximas que iluminam o chão enquanto a alma faz sua ronda;

22 - Raskolnikov, de Moises Pantolfi – Experimental/animação/drama, 1 minuto, 2018, 14 anos, Guarulhos (SP). Sinopse: Curta de animação experimental baseado livro "Crime e Castigo", de F. Dostoievsky;

23 – Onze minutos, de Hilda Lopes Pontes – Suspense/terror, 17 minutos, 2018, 14 anos, Salvador (BA). Sinopse: É noite. Uma mulher precisa ir ao aeroporto. No caminho, somente obstáculos;

24 – Coordenadas, de Leo Santos – Documentário, 15 minutos, 2018, 14 anos, (RJ). Sinopse: As operações policiais no Rio de Janeiro são debatidas sob os olhos de um produtor cultural, injustamente preso por ser negro e uma polícia civil, cansada da guerra às drogas;

25 - Desaparecidas, de Braz Campos Durso – Terror, 4 minutos, 2018, 14 anos, Ubá (MG). Sinopse: O Brasil é um país onde a violência e o desaparecimento de pessoas é um problema real. O que acontece com essas pessoas que nunca mais são encontradas?;

26 - A caixa, de Renata Jesion – Ficção/drama, 6min32, 2018, 14 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Duas irmãs vivem se confrontando no seu cotidiano até que um dia ocorre o sumiço de um objeto;

27 - Carroça 21, de Gustavo Pera – Documentário, 12 minutos, 2018, livre, São Paulo (SP). Sinopse: Maura é mãe de 7 filhos e catadora de materiais recicláveis em São Paulo. Enquanto trabalha duro para se manter, tem que lidar com preconceito e a ignorância de quem não reconhece a importante função do catador;

28 - Enquanto dormia, de Vitor Lima – Suspense, 20min16, 2016, 14 anos, Curitiba (PR). Sinopse: Esta produção de suspense sem diálogos tem sua narrativa construída a partir das ações dos personagens. A escolha dessa linguagem faz referência às consequências geradas pela falta de comunicação entre as pessoas;

29 - Acorde, de Mikael Claro – Ficção, musical, 10 minutos, 2018, livre, Salto (SP). Sinopse: O curta conta a história de Pedro e sua angústia para descobrir o que fazer após o ensino médio;

30 - Ludibrium, de Gleison Mota – Ficção, 22 minutos, 2018, 12 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Quatro vidas se entrelaçam no jogo cotidiano;

31 - O malabarista, de Iuri Moreno – Animação, 10min55, 2018, livre, Goiânia (GO). Sinopse: Documentário em animação sobre o cotidiano dos malabaristas de rua que colorem a rotina monótona das grandes cidades;

32 - MIB – Mentes brilhantes, de Leonardo Prati - Investigação, 4min44, 2018, livre, São Paulo (SP). Sinopse: Neste documentário, o zangão Zon Dantas conta sobre a última e a mais intrigante investigação de sua vida;

33 - A piscina de Caique, de Raphael Gustavo da Silva – Ficção, 15 minutos, 2017, livre, Goiás (GO). Sinopse: Sonhando em ter uma piscina, Caíque e seu amigo inseparável se divertem escorregando no chão molhado e ensaboado da área de serviço. Por causa do desperdício de água, Caíque acaba criando problemas com sua mãe;

34 - Xavier, de Ricky Mastro – Ficção, 13 minutos, 2016, livre, São Paulo (SP). Sinopse: Nicolas começa a perceber que a atenção de seu filho Xavier, de 11 anos, não está mais só nas baquetas de sua bateria, mas se volta também para outros meninos;

35 – For a do caixa, de Edu Camargo – Documentário, 15 minutos, 2017, livre, (PR). Sinopse: Fora da Caixa é sobre a arte de lutar contra moinhos de vento. Uma provocação e o sabor do ar rarefeito das grandes ideias;

36 – Um filme de baixo orçamento, de Paulo Leierer – Comédia, 13 minutos, 2018, livre (SP). Sinopse: Misto de institucional, imagens de arquivo, documentário e making of, o curta é a tentativa de cientistas do "Instituto Brasileiro de Pesquisas Alternativas e de segunda Importância", de combaterem a falta de verba, o fechamento do instituto e a tentarem manter seus sonhos vivos;

37 - Cadarço, de Eduardo Mattos – Ficção, 17 minutos, 2017, 10 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Cativado por Ana, colega de classe, Zeca tenta se aproximar, mas é impedido por um garoto agressor. Diferente do que pretendia, o acidente aproxima ainda mais Zeca e Ana;

38 – Mundo Ripilica, de Humberto Avelar – Animação, 35 minutos, 2017, livre, Jaraguá do Sul (SC). Sinopse: O mundo Ripilica é lugar em que o sonho e a brincadeira viram realidade. Aqui Lilica, a coala e sua amiga Donna vivem maravilhosas aventuras;

39 - Da terra vem, de Camila Albrecht e Takeo Ito – Documentário, 14 minutos, 2017, livre, Pelotas (RS). Sinopse: "Da Terra vem" resulta de um cruzamento de conversas e vivências com produtores em processo agroecológico de Pelotas (RS) e que trabalham pela saúde por meio do cultivo de alimentos naturais;

40 – Ouroboros, de Beatriz Pessoa e Guilherme Andrade – Drama, 17 minutos, 2017, 12 anos (SP). Sinopse: Um pai se torna selvagem em busca de vingança, mas desconhece que, em seu próprio habitat, ele também é um animal;

41- Os superidosos, de Alexandre Estevanato – Documentário, 20 minutos, 2019, livre, São Jose de Rio Preto (SP). Sinopse: Envelhecer faz parte da vida, mas envelhecer com entusiasmo é muito melhor;

42 - Cavalgada dos Justos, de Alex Pizano – Ficção, 24min31, 2018, 12 anos, Boa Vista (RO). Sinopse: Quando as linhas fronteiriças não eram fronteiras para os pioneiros, o extremo norte do Brasil tornou-se o destino de homens e mulheres que buscavam construir suas vidas, novos desafios, novos sonhos. Alguns pelo trabalho suado e honesto, outros através da força bruta e violência;

43 – Pontos de vista, de Fabio Yamaji – Experimental/drama, 15 minutos, 2016, 12 anos (SP). Sinopse: Maria é guia de turismo em passeios pelo Centro da cidade de São Paulo. Seu cão Glaz a acompanha neste ofício, pois Maria é cega;

44 - A mulher do treze, de Rejane Arruda – Ficção, 16 minutos, 2018, 14 anos, Vitória (ES). Sinopse: Inês mantém sua rotina...sempre;

45 - E você, Albano, de Camilo Bevilacqua – Ficção/fantasia, 2019, 15 minutos, 12 anos, Guarama (RS). Sinopse: Uma poderosa senhora paralítica que vive numa cadeira de rodas em uma mansão isolada é ameaçada pelo ex-marido e teme pela ação de seus herdeiros. Numa noite, fica sozinha. Então, vive momentos de medo e suspense;

46 - Megg, a margem que migra para o centro, de Larissa Nepomuceno Moreira e Eduardo Sanches – Documentário/LGBT, 2017, 15 minutos, 14 anos, Curitiba (PR). Sinopse: Megg Rayara derrubou barreiras para chegar onde chegou. Para ela, seu diploma é um marco importante de uma luta não só pessoal mas, sim, coletiva. Pela primeira vez no Brasil, uma travesti negra conquista o título de doutora;

47 - O outro lado, de Rodrigo Soares e Thiago Araujo – Terror, 18 minutos, 2018, 14 anos, Florianópolis (SC). Sinopse: Felipe, um jovem estudante chega a Florianópolis para iniciar uma nova vida e logo se depara com Eric, um velho e solitário músico que reside no mesmo prédio. Seduzido pela estranha melodia de Eric, Felipe inicia uma jornada de descobertas e com um desfecho imprevisível;

48 – Tailor, de Calí dos Anjos – Animação/documentário /LGBT – 10minutos, 2017, 12 anos (RJ). Sinopse: Tailor é um jovem cartunista do Rio de janeiro que começou a desenhar quadrinhos para expressar questões de sua transexualidade e contar histórias de outras pessoas transgênero, como Miro, Tertuliana e Bernardo. Um filme feito por pessoas trans;

49 – Bid, de Raphael Bittencourt – Drama/violência, 19minutos, 2016, 14 anos, Brasil/EUA. Sinopse: Bernard, um empresário estrangeiro e honesto desafia a máfia de empreiteiras no Brasil e se dá mal. Em represália à máfia, resolve ensinar uma lição que mudará a sua vida e da família para sempre;

50 – A sombra interior, de Diego Tafarel – Drama, 16 minutos, 2018, 14 anos, Santa Cruz do Sul (RS). Sinopse: Filho de família patriarcal do interior descobre algo;

51 – Espécime 53, de Leonardo Prioli – Experimental/horror/ciência/ficção, 19 minutos, 2017, 14 anos (SP). Sinopse: Um pesquisador vive isolado em seu complexo de pesquisa e obcecado pelo trabalho que se resume em realizar estranhas experiências com pessoas. Porém, o surgimento de um visitante grotesco e inesperado assombrará os seus dias;

52 – O demônio vem da favela, de Genildo Rodrigues – Ficção/terror, 15 minutos, 2017, 16 anos (SP). Sinopse: É noite, na periferia de São Paulo, quando Ricardo e Josi discutem sobre a falta de dinheiro. Na manhã seguinte Ricardo sai de casa para procurar algo para comerem. Mas, algo sobrenatural aproveita-se da fraqueza de Josi;

53 – Vanilla, de Leo Tabosa – Documentário/drama/erótico, 13 minutos, 2017, 16 anos, Recife (PE). Sinopse: Olhe a sua volta. Tudo que você vê e toca pode ter o gosto de baunilha;

54 – Sarmaga, de Jon Lewis – Ficção/suspense, 30 minutos, 2017, 14 anos, Salvador (BA). Sinopse: No restaurante Sarmaga não há iluminação elétrica, nem música, nem cardápio. Ouvem-se apenas os murmúrios satisfeitos dos clientes regulares, à espera de que o dono, o próprio Sarmaga, ofereça o seu prato especial;

55 - Por cuecas e meias, de Gustavo Hon – Drama, 7min50, 2018, 16 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Até onde um artista incompreendido pode ir ao se desiludir com a arte? Este filme levanta uma discussão sobre o lugar do artista e da arte em uma sociedade de classes;

56 – SP: crônicas de uma cidade real, de Elder Fraga Fraga – Drama/suspense, 92 minutos, 2018, 16 anos, São Paulo (SP). Sinopse: São Paulo é uma cidade tão complexa que quando histórias baseadas em elementos verídicos se misturam à ficção, é difícil saber qual é qual. O filme é uma coleção de cinco histórias intensas e contrastantes;

57 – Ver, de Olavo Ribeiro – Drama, 25 minutos, 2019, 12 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Após sofrer um acidente, Duda tem que lidar com Manuela, enfermeira contratada para passar o fim de semana em sua casa;

58 - Admirável mundo destro, de Luiza Leal – Documentário, 25 minutos, 2018, 12 anos, Maceió (AL). Sinopse: Em um mundo planejado para pessoas destras, a minoria canhota experimenta a vida ao contrário. O documentário visita cidades do Brasil e da Europa para mostrar o cotidiano em comum dessas pessoas;

59 – O crime de Aristóteles, de Renata Semayangue – Drama/suspense, 21 minutos, 2018, 12 anos, Salvador (BA). Sinopse: Até que ponto a sedução intelectual, o cárcere emocional e as diversas formas de violência contra a mulher são permitidos numa sociedade onde o machismo é estrutural? Estudante de Belas Artes é aprisionada por um prestigiado crítico de arte e dono de galerias de Salvador, na Bahia;

60 - Menine, de Rafael Caldo – Ficção, 14 minutos, 2018, 12 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Leonardo é um garoto que não se identifica como menino. Dentro de uma sociedade conservadora e preconceituosa ele quer ser quem quiser;

61 – Enfim sós, de Helvecio Parente – Suspense, 9 minutos, 2017, 12 anos, (RJ). Sinopse: Um casal recém-casado entra num hotel, mas a mulher desaparece;

62 - Memórias, de André Siqueira – drama, 25 minutos, 2018, 12 anos, Curitiba (PR). Sinopse: Depois de sofrer um grande trauma, Juliana se vê na possibilidade de fazer uma cirurgia que resultaria na perda total da sua memória. "Memórias" discute questões de enfrentamento e superação diante das perdas em um cotidiano existencial;

63 – Ana, de Édier William – Drama/romance, 15 minutos, 2018, 12 anos, Ariquemes (RO). Sinopse: Ana, uma mulher anã, salva David que está prestes a pular de uma ponte e se suicidar. Eles se apaixonam, um pelo outro. E juntos terão que lidar com o preconceito que família de David tem contra Ana;

64 – Papa-figo, de Alex Reis – Suspense/terror, 16 minutos, 2018, 12 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Uma brincadeira inocente entre irmãos acaba mal quando a temida lenda urbana emerge da mitologia para continuar seu trabalho;

65 – Mulher Ltda., de Taísa Ennes – Terror/ficção cientifica, 10 minutos, 2018, 12 anos, (RS). Sinopse: Dois cientistas malucos criam uma poção capaz de trazer ratos de volta à vida. Para evoluir seu invento, eles entram sorrateiramente em um necrotério e injetam no corpo de uma mulher. Funcionou?;

66 - Caminho de sempre, de Bruna Vieira e Sarah Corsi - Ficção experimental/suspense, 2017, 4 minutos, 12 anos, (SP). Sinopse: Alguns caminhos de sempre podem se tornar imprevisíveis de repente;

67 – Nós, montanha, de Gabriel Motta – Drama, 19 minutos, 2018, 12 anos, Porto Alegre (RS). Sinopse: Yara e Daniel formam um conjunto de música eletrônica peculiar. Ela, de origem indígena, foi adotada pela família branca de Daniel quando ainda criança. Desde sempre, sua conexão musical extrapolou os laços sanguíneos;

68 – Infinito enquanto dure, de Akira Kamiki – Drama/homossexualidade, 19 minutos, 2019, 12 anos (SP). Sinopse: Após se apaixonarem em uma festa, Danny e Seiji só querem ficar juntos. No entanto, suas diferenças podem ser maiores que seus sentimentos. O primeiro filme de ficção sobre a assexualidade;

69 – Tormento em 3 atos, de Peter Marchi – Experimental/terror/fantástico, 5 minutos, 2017, 12 anos (RS). Sinopse: O curta possui uma linguagem fotográfica experimental e aborda temas como medo e sonhos. Uma jovem atriz começa a ser atormentada por uma figura misteriosa em seus pesadelos;

70 – Deus e o cachorro, de Bruno Costa – Comedia/fantasia, 20 minutos, 2017, 12 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Anoder leva Dam para conhecer o mar. Este dia, com seus acontecimentos surpreendentes, irá revelar realmente quem são eles e principalmente "os outros";

71 – Telentrega, de Roberto Burd – Drama/psicológico, 17 minutos, 2017, 12 anos - Porto Alegre (RS). Sinopse: Elias é um pai viúvo que vive um momento conturbado: seu filho Rafael sofre de miocardite viral e precisa urgentemente de um transplante de coração. Transtornado vislumbra uma ideia que pode salvar a vida de seu filho;

72 - Narrativas de um crime, de Alison Zago - Suspense policial, 15 minutos, 2017, 14 anos, São Paulo (SP). Sinopse: Constantin, um investigador da Polícia Civil e aspirante a escritor, está em busca de uma boa história. Paulo, um Policial Militar, acaba de voltar de um período de suspensão. Eles se cruzam numa cena de um crime;

73 – Solo, de Alailson Bernardo – Drama, 14 minutos, 2018, 14 anos, Goiania (GO). Sinopse: Bruno é um garoto atormentado pela solidão e com problemas familiares. Um dia provoca, acidentalmente, a morte de Abilio, um colega da sua escola com certo problema mental. Esse filme propõe uma reflexão sobre o bullying;

74 - A menina que construía barcos, de Glauco Wiltenburg – Drama, 53min23, 2018, 12 anos, Penha (SC). Sinopse: A história narra a vida de Alana, uma jovem direcionada desde muito pequena à construção de barcos artesanais;

75 - 50 anos grupo folclórico Alpino Germânico, de Pablo Cruz – Documentário, 28 minutos, 2018, livre, Blumenau (SC). A produção conta a história do tradicional grupo Folclórico.

 

 

Quer receber as notícias do Por Acaso no WhatsApp? Clique aqui!