Se o brega – ou qualquer outro nome que você queira dar à música popular romântica feita no Brasil entre os anos 70 e 80 – voltar a fazer sucesso, muito terá que ser colocado na conta de Rodrigo José.

O cantor de Americana (SP) é um fenômeno na internet, onde se consolidou com canções autorais e versões eletrizantes de velhos hits, além de uma imagem que pode ser definida como “cafona chique”.

Uma cruza improvável de Elvis Presley e Waldick Soriano, acompanhado de uma banda afiadíssima que combina rock e soul, Rodrigo José apareceu em 2016 com o clipe de “Desapareça”, que fez sucesso na vez de Ronaldo Adriano.

Dois anos depois, ele passa das 700 mil visualizações no YouTube. Outros clipes dificilmente têm menos de 100 mil views.

No ano passado, o cantor lançou dois discos/DVDs (disponíveis na internet), nos quais desfila suas releituras para hits de Odair José, Sidney Magal, Ovelha, Evaldo Braga, Waldick Soriano, Reginaldo Rossi e Almir Rogério (da inabalável “Fuscão Preto”).

Tudo estará na apresentação marcada para o dia 18 de agosto no teatro da Liga, em Joinville. Os ingressos estão à venda na My Target Idioma e aqui.

-

Quer receber as notícias no WhatsApp?