Foto Divulgação
Foto Divulgação

A programação do 15° Femusc (Festival de Música de Santa Catarina) reserva muitas surpresas ao público.

Com uma agenda repleta de apresentações imperdíveis, que vão desde a noite de ópera à união com a Escola de Teatro Bolshoi no Brasil, passando também pela trajetória dos mais importantes compositores da história, o evento terá, ainda, uma noite para celebrar a principal conquista do Brasil no meio musical erudito.

No dia 25 de janeiro, os espectadores poderão ver de perto o diretor-artístico do Femusc, Alex Klein, tocando a obra que garantiu ao país o único prêmio Grammy no segmento, até hoje.

Ele foi conquistado pelo oboísta, em 2001, com a execução do Concerto para Oboé e Pequena Orquestra, de Richard Strauss, juntamente com a Chicago Symphony.

A honraria foi concedida dentro da categoria ‘Melhor Solista Instrumental com Orquestra’.

Curiosamente, no dia seguinte à apresentação programada pelo festival, Klein concorrerá novamente ao Grammy. Dessa vez, a indicação é para a categoria ‘Melhor Produtor’ com o CD ‘Sonatas para Oboé do Século 20’, lançado em abril.

O concerto terá participação da Orquestra Sinfônica Femusc e regência do maestro Gregory Carreño.

Os ingressos poderão ser comprados antecipadamente pela internet, ao preço de R$ 20 e R$ 30, ou retirados gratuitamente dois dias antes, na secretaria do Centro Cultural Scar.

 

Com informações da assessoria de imprensa

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger