O grupo de Jazz da Scar está vendendo cartões de feijoada para arrecadar fundos para a viagem para o Festival de Dança Tanzolymp de Berlim, que acontece na Alemanha, entre os dias 16 e 21 de fevereiro de 2023. O valor do cartão é de R$ 35 e pode ser adquirido na própria Scar ou com pais de dançarinos.

A feijoada será preparada pelo feijoeiro Lazaris, no próximo dia 15 de outubro, das 11h às 14h. A retirada pode ser feita no estacionamento da Scar, em sistema drive-thru.

Como o grupo é formado por alunos matriculados e bolsistas, os pais e bailarinos se uniram para arrecadar fundos para conseguir levar todos para o festival, promovendo rifas, promoções, espetáculos e doações espontâneas com participação dos dançarinos e famílias.

“Nós, os pais, estamos fazendo um esforço para que todos possam ir, afinal os bailarinos são um time e juntos são melhores”, diz Rosemeri Herber, uma das principais responsáveis pela arrecadação de fundos.

Foto: Divulgação

O festival

O Tanzolymp é um dos festivais internacionais mais expressivos do mundo e é significativo para jovens bailarinos. O principal objetivo da competição é apoiar e popularizar a arte da dança em todo o mundo, desenvolver o gosto artístico e estético e promover jovens talentos.

É uma grande oportunidade para os participantes jaraguaenses, que podem conhecer jovens de todo o mundo em master classes, seminários e competições. Além de ser uma viagem internacional, também promove o conhecimento de diferentes formas de dança e estilos artísticos, além de aumentar a bagagem dos dançarinos.

Sobre o grupo

Coreografia Embaralha-me. Foto: Divulgação

O grupo iniciou as atividades em 2014, por uma iniciativa do professor e coreógrafo Edson Nascimento, que começou a atuar na Escola de Dança da Scar. O grupo conta com bailarinos que estão no mundo da dança há mais de 10 anos, muitos passaram pela transição do infantil ao juvenil e consecutivamente para o adulto.

O início teve poucos bailarinos, mas a mudança ao longo do tempo foi gigante, com a chegada de novos integrantes e evolução dos que continuaram, assim o Jazz começou a conquistar o seu espaço.

Hoje contam com duas categorias que irão se apresentar: juvenil, com a coreografia “Embaralha-me” e adulto, com a coreografia “1945”.

Ao longo do tempo, participaram de festivais renomados, como o Festival de Dança de Joinville, Prêmio Desterro, Passo de Arte, além de eventos como orquestras e aberturas no Jaraguá em Dança, inclusive em 2020. Conquistaram muitas premiações relevantes no mundo da dança, indicações e oportunidades como vaga para o Tanzolymp.

O grupo ensaia todas às terças e quintas das 18h30 às 21h30, na Scar. O Instagram é @grupojazz_scar e lá você pode saber mais sobre as apresentações e trajetória do grupo.

Como doar

Coreografia Embaralha-me. Foto: Divulgação

Para quem desejar ajudar com patrocínio, o grupo fica à disposição para apresentações.

Os valores podem ser doados através do pix dancaberlim@gmail.com e todos os apoiadores terão divulgação nas redes sociais e eventos.

Mais informações podem ser obtidas com Rosemeri Herber através do telefone e WhatsApp (47) 9 9947-9928.

Sobre as coreografias

Coreografia 1945. Foto: Divulgação

Coreografia Embaralha-me - juvenil

O trabalho do conjunto de jazz juvenil "Embaralha-me" foi coreografado em 2020. Participou de festivais online, mas só estreou de fato nos palcos após o retorno dos festivais presenciais em 2021. Foi premiado no Festival Passo de Arte e garantiu vaga para o Tazolymp, em Berlim.

Veja abaixo as premiações da coreografia:

  • Festival Passo de Arte - 1° Lugar Jazz conjunto adulto;
  • Santo Anjo em Dança - 1° Lugar Jazz conjunto Juvenil l Indicação de melhor grupo;
  • Web Dance Festival - 2° Lugar Jazz conjunto juvenil;
  • Mery Rosa - 2° Lugar Jazz conjunto Juvenil.

Coreografia 1945 - adulto

Já o trabalho do conjunto de jazz adulto “1945”, foi coreografado em 2019. O grupo participou de vários festivais ao longo dos anos e também foi premiado no Passo de Arte e garantiu vaga para o Tazolymp.

Veja abaixo as premiações da coreografia:

2019

  • Festival de Dança de Timbó - 1º Lugar l Prêmio de Melhor Grupo do Festival;
  • Festival de Dança JOPEF (Curitiba/PR) - 2º Lugar l Prêmio de Melhor Coreografia do Festival;
  • Festival de Dança Mery Rosa (Itajaí/SC) - 1º Lugar l Indicação ao prêmio de Melhor Grupo do Festival;
  • Festival de Dança Prêmio Desterro (Florianópolis/SC) - 2º Lugar l Indicação ao Prêmio Só Dança;
  • Festival de Dança (Canoinhas/SC) - 1º Lugar l Indicação ao prêmio de Melhor Grupo do Festival.

2020

  • Premiações em Festivais On-line;
  • Prêmio de Melhor Grupo do 2º Web Dance Festival.

2021

  • Premiações em festivais online;
  • Festival de Dança Passo de Arte - Grand Prix (Indaiatuba/SP) - 1º Lugar l Indicação de melhor coreógrafo e vaga para o Festival Tanzolymp 2022 em Berlim;
  • Participação no Festival de Dança de Joinville na Mostra Competitiva.