Nesta quinta-feira (10) a programação segue na Associação Empresarial de Criciúma (Acic), com mais atividades voltadas às áreas de Marketing, Administração, Inovação e Sinergia. A sexta edição conta com a apresentação de Sicredi e Diamante.

O evento reinicia às 15h30, com a palestra "Mindset da Disrupção", proferida pelo futurista Carlos Piazza. "Falar de transformação digital é falar de gente. Entender como as tecnologias afetam a vida humana e de que maneira as pessoas se pronunciam quanto a isso", expõe.

"As pessoas otimizaram tudo, até a própria felicidade. Quando precisamos de imaginação para desenhar os novos futuros, ninguém consegue", acrescenta Piazza, um dos 400 futuristas certificados pelo Millenium Project no mundo.

Logo após a palestra, ocorrerão as atividades paralelas: Diálogo sobre Inovação e Tecnologia, com Aldinei Potelecki, Daniel Lacerda, Débora Oliveira e Valmir Cabral; lab "Como impulsionar seu negócio com o Marketing Digital!", com Danielle Zabotti e Marcella Meister; além da apresentação dos cases das empresas Lohn Bier e Signora.

Administração

O eixo da Administração será contemplado nas duas palestras da noite. A partir das 18h30, Fernando de Rizzo abordará "Os desafios da sociedade & estratégia e execução da Tupy". O executivo está entre os dez melhores CEOs do país, segundo avaliação da Forbes Brasil. A lista foi divulgada pela revista no início de outubro.

Para formar a relação anual, a publicação leva em conta indicadores financeiros, como faturamento, lucro e valorização, e comprometimento com a agenda ESG de cada empresa.

Logo a seguir, Luís Artur Nogueira encerrará a sexta edição com a palestra interativa "Cenário econômico e oportunidades no pós-eleição". O economista e jornalista estimula o público a deixar o celular ligado e, por meio dele, interagir respondendo à enquete que vai definir os rumos da explanação.

Segundo dia

As palestras do segundo dia foram abertas com a participação virtual de Viviane Mansi, diretora de Comunicação e Sustentabilidade da Toyota para América Latina e Caribe, que ressaltou a importância de discutir a sustentabilidade.

"Vivemos problemas reais, que geram custos às empresas, à economia como um todo e à vida das pessoas. Pensar em ESG começa pelas operações das empresas, sejam elas pequenas, médias ou grandes, e se reflete em práticas internas e externas", afirmou.

No mesmo tema, a professora Jacqueline Rezende trouxe cases que mostram a aplicabilidade do ESG nas organizações. "Somos protagonistas da história do momento em que vivemos. É muito fácil terceirizar as responsabilidades, mas o olhar da sustentabilidade é para si mesmo. Entender que ESG na prática são pequenas ações, que impactam diretamente nos seus negócios", salientou.

Fechando as palestras da noite, o psicanalista Jorge Forbes abordou as mudanças de valores e comportamentos geradas pela transição entre Terra Um e Terra Dois. "Em menos de 30 anos, saímos de um mundo vertical, onde se seguia um determinado padrão, para um mundo horizontal, múltiplo. E as pessoas se sentem perdidas, sem uma bússola que as oriente", comparou.


Programação

Dia 10

15h Abertura e credenciamento

15h Mostra de Inovação e Tecnologia

15h30 Palestra "Mindset da Disrupção", com Carlos Piazza

17h Atividades paralelas

Diálogo Inovação e Tecnologia, com Aldinei Potelecki, Daniel Lacerda, Débora Oliveira e Valmir Cabral

Lab Marketing Digital, com Danielle Zabotti e Marcella Meister

Apresentação de cases Lohn Bier e Signora

18h Networking e visitação à Mostra

18h30 Palestra "Os desafios da sociedade & estratégia e execução da Tupy", com Fernando de Rizzo

19h30 Palestra "Cenário econômico e oportunidades no pós-eleição", com Luís Artur Nogueira

21h Encerramento