Você provavelmente já ouviu falar sobre casos de roubos de cães, ou pior, talvez tenha até sofrido. A razão mais comum disso acontecer é para o comércio do pet, mas também pode ser até para utilizar o cão em brigas.
Por isso, encontramos esse artigo no site Pet Rede com dicas sobre como evitar que seu cão seja roubado e resolvemos compartilhar. Afinal, ninguém quer se separar do seu amiguinho, não é? Confira:
Castre seu cachorro: Muitas vezes, os cães são roubados para serem comercializados. Se o cachorro for castrado, ele se torna menos atrativo para os assaltantes porque não poderá ter filhotes. Além disso, a castração pode acabar trazendo benefícios para a saúde do animal, evitando doenças.
Coloque um microchip no cão: Plaquinhas na coleira são facilmente retiradas. Por isso, é importante o microchip. Caso seu cachorro esteja com outra pessoa, fica mais fácil de provar que ele é seu.
Em Guaramirim, o processo de implantar o microchip nos animais está em andamento já. Em Jaraguá, isso deve ocorrer ainda esse ano.
Não deixe seu amigo canino preso do lado de fora de uma loja, mercado, banco ou qualquer outro lugar – No Brasil, a presença dos cães é proibido em diversos estabelecimentos, mas é melhor deixar seu cachorro em casa do que sozinho na calçada, para não se tornar um alvo fácil de ladrões.
Aqui em Jaraguá do Sul, há estabelecimentos pet friendly, que permitem que os pets fiquem livre nas lojas. Veja aqui a relação de estabelecimentos.
Não deixe seu cachorro sozinho no quintal: se você tem um muro, cerca ou portão baixos, é melhor ficar de olho quando seu cão estiver no quintal. Basta alguns segundos de distração para alguém levar seu melhor amigo embora.
Só saia com seu cão usando coleira e guia: quando seu cão está solto, ele pode explorar novos lugares e em apenas alguns instantes longe dos seus olhos são suficientes para que seja roubado.
Não deixe o pet dentro do carro: além de ser perigoso para seu cão por causa do calor, deixa-lo dentro do carro pode ser uma ótima oportunidade para assaltantes.
Fonte: Pet Rede
Foto: Divulgação