Foto TripAdvisor
Foto TripAdvisor

Se engana quem pensa que apenas a cerveja tem vez no Vale Europeu. Basta o nome Luiz Alves entrar na roda de conversa que a fama por suas tradicionais cachaças ganha destaque.

Colonizada predominantemente por alemães e italianos, Luiz Alves é uma das mais belas cidades do Vale Europeu, e referência na produção de cachaça artesanal e aguardente. Inclusive, a cidade foi reconhecida por lei como Capital Catarinense da Cachaça – Terra da Cachaça, quando também foi criada a Associação dos Produtores de Cachaça Artesanal de Luiz Alves (Apcala).

Por movimentar a economia e o turismo da região com a iguaria, no dia 13 de dezembro de 2018 nasceu a Rota da Cachaça de Luiz Alves, criada especialmente para orientar os turistas que chegam ao município em busca das cachaças artesanais.

Foto Material de divulgação da Rota da Cachaça

A Rota da Cachaça tem dez pontos, com relativa proximidade, entre a Destilaria Rech, perto do portal da cidade, e o alambique da Wruck, próximo da saída para Blumenau, e a distância é de menos de 25 quilômetros.

Os alambiques estão, claro, abertos à visitação e fazem parte da rota:

  • Destilaria Rech
  • Cachaça Schoepping
  • Cachaça Spézia matriz
  • Cachaça Spézia filial
  • Cachaça Bompani
  • Cachaça Morauer
  • Alambique Rossi
  • Cachaça Bylaardt
  • Cachaça Wruck
  • Cachaça Rein/Flor da cana

Com a rota definida, o visitante poderá chegar a todos os alambiques, conhecer o processo de fabricação apresentado pelos próprios produtores artesanais e adquirir as cachaças, é claro.

E aí, ficou interessado no passeio? Para quem quiser agendar, basta fazer contato diretamente com a diretoria da Apcala pelo telefone (47) 99181-4102 ou na página do Facebook clicando aqui.

Quer receber as notícias no WhatsApp?