É em meio à boa fase da literatura feita em Joinville que finalmente surge “Calopsita”, livro de estreia do escritor e professor Eduardo Silveira. Finalmente porque a obra já tem estrada – em 2014, recebeu menção honrosa no Prêmio Cruz e Sousa de Poesia, promovido pela editora da UFSC. Inclusive, o lançamento nesta sexta-feira (6), na Livraria A Página (rua Dr. João Colin), às 18h30, é resultado do Prêmio Catarinense de Literatura, parte do Edital Elisabete Anderle, promovido pela Fundação Catarinense de Cultura. Por isso, as cópias terão distribuição gratuita. “Calopsita” é uma seleção dos poemas bem humorados e ácidos escritos desde 2006 por Silveira, duas vezes ganhador do Prêmio Joinville de Expressão Literária e editor do blog obibliofilopobre.blogspot.com. Nas palavras poeta, editor e prefaciador do livro, Rubens da Cunha, a obra “apresenta um conjunto de poemas marcados por uma ironia agridoce que se manifesta, sobretudo, na coloquialidade da linguagem. E é na linguagem que está a força desses textos. Eduardo consegue sintetizar literariamente a rapidez, a fragmentação, o despojamento de toda a uma geração marcada pela escrita na internet”. A artista jonvilense Carol Silva assina a ilustração da capa do livro, que leva o selo das editoras Bernúcia e Redoma.