O governador de Santa Catarina em exercício, Eduardo Pinho Moreira (MDB), recebeu nesta segunda-feira (19) uma comitiva da Escola do Teatro Bolshoi, em Florianópolis. O encontro serviu para que o governo estadual firmasse compromisso de repasses financeiros à Escola que completou 18 anos de atuação em Joinville, na semana passada. A instituição tem hoje 230 alunos. Quer receber as notícias do Jornal de Joinville no WhatsApp? Basta clicar aqui O governador repassou à unidade R$ 3,6 milhões e mais R$ 900 mil via Lei Rouanet. Os recursos serão utilizados na manutenção e custeio da escola. “Precisamos desses repasses para continuar o trabalho que está sendo feito até hoje. O Governo do Estado é um dos maiores parceiros, então nós necessitamos desse repasse para manter o nome, a tradição e a forma de como é conduzida a escola”, destacou o presidente do Teatro Bolshoi no Brasil, Valdir Steglich. Também participaram do encontro o deputado federal Mauro Mariani e do vereador de Joinville, Rodrigo Fachini, ambos do MDB, que auxiliaram na obtenção dos recursos. Mariani comentou na reunião que recentemente a escola russa foi procurada por outros países que também gostariam de ter suas filiais do Bolshoi, e que a direção da instituição negou a todos os pedidos. “A decisão foi de que não haverá nenhuma outra escola fora da Rússia a não ser a de Joinville”, enfatizou o deputado federal.