Azul ou dourado? Homem que viralizou na internet com cores de vestido é preso por tentar matar a esposa

Foto: Reprodução

Por: Isabelle Stringari Ribeiro

15/05/2024 - 09:05 - Atualizada em: 15/05/2024 - 09:28

As cores de um vestido causaram alvoroço na internet em 2015. Contudo, o que começou como uma simples brincadeira tomou proporções alarmantes quando Keir Johnston, cuja sogra usou o vestido em seu casamento, foi detido e confessou culpa por tentativa de homicídio contra sua esposa, Grace Johnston, em 2022. Ele compareceu perante o tribunal escocês na última quinta-feira (9) e permanecerá detido até o pronunciamento da sentença.

Keir e Grace ficam conhecidos em 2015, durante seu casamento. O famoso “vestido que quebrou a internet” dividiu opiniões sobre suas verdadeiras cores: preto e azul ou branco e dourado. A imagem, compartilhada no Tumblr por Caitlin McNeill, uma das convidadas, suscitou um debate que até mesmo celebridades aderiram, rendendo ao casal uma premiação em dinheiro e uma viagem em um programa de TV.

No entanto, em março de 2022, a situação mudou drasticamente quando Keir ameaçou Grace, dizendo: “Alguém vai morrer”. Chris Macintosh, o promotor do caso, descreveu no tribunal o ambiente de medo em que Grace vivia, referindo-se à Ilha de Colonsay, onde residiam, e à falta de presença policial permanente na região.

Grace relatou que seu marido a impediu de viajar para uma entrevista de emprego, mas ela foi mesmo assim, recebendo ameaças enquanto estava fora. Ao retornar, Keir anunciou sua intenção de deixá-la, culminando em um ato de violência em que ele a agarrou, jogou-a ao chão e a estrangulou, resultando em vários hematomas pelo corpo.

O advogado de defesa, Marco Guarino, reconheceu a responsabilidade de Johnston na agressão. No entanto, o pedido de fiança foi negado pela juíza, que decidiu mantê-lo sob custódia até a sentença, agendada para 6 de junho.

“Não há necessidade de enfatizar a gravidade deste crime violento. Você a estrangulou repetidamente, feriu-a e colocou sua vida em perigo em circunstâncias terríveis. Lamento informar, Sr. Johnston, que seu status mudou agora, pois foi condenado por um crime grave e será detido enquanto aguarda a sentença”, declarou a juíza.

Notícias no celular

Whatsapp