Em setembro deste ano, inicia o prazo para os veículos nacionais adotarem o padrão Mercosul de placas.
A troca da chapa para veículos já emplacados será opcional até 2023, mas já valerá para os novos registros e transferências de domicílio a partir do dia 1º de setembro.
Após essa data, todos os veículos brasileiros deverão conter a nova placa. Reboques, semirreboques, triciclos, motonetas, ciclos elétricos, quadriciclos, ciclomotores e tratores serão identificados apenas pela placa traseira.
Novas placas serão obrigatórias para todos os veículos em 2023
A nova placa vai ter uma tarja azul, bandeira do Brasil e outra configuração de letras e números. Além disso, contará com um chip e um código para facilitar a identificação dos veículos roubados ou clonados nos países do Mercosul.
De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito, fica a critério do proprietário antecipar ou não a substituição da placa.