Ahh, a cerveja! É da cevada, do malte e do lúpulo que nasce essa divindade. A companheira gelada da nossa sexta-feira (e dos dias difíceis também), a responsável por reunir e aproximar pessoas. Com muitos fãs aqui em Jaraguá, bastante gente se empenha na fabricação artesanal da bebida. Mas como será que é viver da fabricação de cerveja?
Fomos até a cervejaria mais antiga de Jaraguá do Sul, a Königs Bier, para conhecer de perto essa rotina. A marca já tem 10 anos de história e marcou a tradição na produção de cerveja aqui na cidade. A empresa é tocada pelo Ivan Torres, junto da esposa Rúbia e do filho Dennis.
Os sócios Dennis e Rúbia. (Foto: Arquivo/OCP)
De cara, descobrimos que a a maior felicidade não é somente trabalhar com algo que ama fazer, mas ver o resultado desse trabalho. "É muito bom poder ver as pessoas felizes, gostando e elogiando o produto. Afinal, estudamos e trabalhamos muito para produzir uma cerveja boa e saborosa", comenta o sócio-proprietário Dennis.
Mas nem tudo são flores, né? Sempre tem aquela partezinha complicada que faz a gente pensar em desistir e fazer outra coisa. Uma coisa é fato: a rotina de nenhuma profissão é fácil, e sempre teremos problemas para resolver, o que importa mesmo é fazer o que ama pra amenizar todos esses momentos difíceis.

Dificuldades x desafios

Já nem dá pra contar nos dedos quantos perrengues o pessoal da Königs passou nesses anos de mercado cervejeiro. Quando se começa um projeto, ou uma empresa, ninguém chega e diz 'você vai precisar disso, e vai passar por isso, então vá por este caminho'. Não, não... muita coisa você descobre na marra, dá muita bola fora e sofre as consequências.
Mas tudo isso é aprendizado, e esses "erros" servem para fazer dar certo no futuro. Lá em 2007, quando a empresa nasceu, a maior dificuldade foi conseguir equipamentos para a fabricação da bebida. "Hoje as coisas estão mais fáceis. O mercado da cerveja cresceu muito, e conseguimos encontrar suporte do que precisamos no Brasil", diz.
(Foto: Eduardo Montecino/OCP)
Além das dificuldades, os desafios são muitos. Quem vive da cerveja artesanal tem que estar ligado às mudanças do mercado, e precisa estar sempre inovando. Isso tanto nos sabores de cerveja, como nas fórmulas e tendências, sabendo o que as pessoas querem consumir.

Mas e como surgiu a ideia de abrir uma cervejaria?

Estava totalmente certo quem disse que uma viajar pode mudar a vida de uma pessoa. Foi o que aconteceu com o apaixonado por cerveja, Ivan Torres, quando viajou para a Alemanha. Por lá, ele percebeu que cada cidade, ou vila, por menor que fosse, tinha um cervejaria.
E na volta para o Brasil, ele trouxe essa ideia pensando em implantar na nossa bela Jaraguá. E não tinha como não dar certo, afinal aqui temos a maior festa de atiradores fora da Alemanha, a Schützenfest. Deu tão certo que a Königs é uma das cervejarias artesanais oficiais da festa.
Apesar de ser uma receita bolada em conjunto, por cervejarias da cidade, é na fábrica da Königs que é produzida a Schützenbier, cerveja feita especialmente para a Schützenfest. (Foto: Eduardo Montecino/OCP)
Após quatro anos de planejamento e pesquisas, foi resgatada a fórmula de um amigo da família na Europa, readequando-a ao paladar brasileiro, e foi criada a composição ideal para a Königs.
A palavra königs significa rei, uma forma de resgatar as tradições do tiro esportivo da Alemanha, além de homenagearos reis do tiro e dos clubes da região.
Hoje, a empresa conta com 7 colaboradores, que garantem a execução correta de todos os processos, resultando numa cerveja gostosa que todo mundo já ama aqui na região. E que está sempre conquistando novos admiradores.

E quem trabalha com cerveja não enjoa?

Não, longe disso! Mas o segredo é não beber sempre. O Dennis por exemplo, contou que já tem um acordo com a família de que não devem beber todos os dias, assim ninguém perde a sensibilidade com relação à bebida. "Costumo beber apenas em casa, nos fins de semana, quando faço um churrasco com a família. E, mesmo assim, em poucas quantidades", conta.

Os produtos da Königs

(Foto: Eduardo Montecino)
Entre as opções da marca, estão as garrafas de Pilsen, Weiss Bier, Bock e Defumada. E pra quem ama chope, também tem opção de encomendar barris para festas ou também comprar o chope em garrafa, um dos diferenciais da Königs.
Onde encontrar? O chope você só encontra na fábrica, Já em garrafa, além de comprar na fábrica, também encontrará em alguns mercados, restaurantes, empórios e outros estabelecimentos comerciais.
...
E pra quem quiser conhecer a Königs Bier e o processo de produção das brejas, o pessoal lá abre as portas da fábrica para todos os interessados. É só marcar um horário através do (47) 3370-5544. A cervejaria fica na Rua Erich Sprung, 215, bairro Água Verde.
Você também pode acompanhar as novidades através da página no Facebook.
Ein prosit!