Foto Web Cachorros
Foto Web Cachorros

O projeto de lei que proíbe manter cães acorrentados, está prestes a ser aprovado. A votação foi realizada nesta terça-feira (21) e agora depende apenas da sanção do prefeito Rafael Greca (DEM).

A proposta é da vereadora Fabiane Rosa (PSDC) e altera a lei já existente, de 2011, sobre proteção animal. Para ela, o texto atual é muito genérico.

De acordo com a parlamentar, o projeto nasceu justamente a partir da grande quantidade de denúncias sobre animais presos, que são recebidas.

Segundo Fabiane, há registro de cães que chegaram a ter lesões na coluna pelo tanto de força que fazem para tentar sair da corrente.

Por outro lado, a principal questão em torno da proposta é na forma como vai ser feita a classificação de animal acorrentado como maus-tratos.

A ideia é incentivar os tutores a adequar o espaço, seja a construção de um canis ou de cercar a área em que o animal irá ficar.

Após essa orientação, caso a situação não seja corrigida, serão aplicadas as mesmas punições já previstas em lei — o que inclui multas que variam de R$ 200 a R$ 200 mil de acordo com a gravidade da situação.

A pergunta que fica é: será que outras cidades também vão aderir a esta lei? Vamos torcer para que cada vez menos animais sofram qualquer tipo de maus tratos.

Fonte: Gazeta do Povo

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?